a carregar...

UC.PT

Informações e serviços académicos

Exames Extraordinários

Quem tem acesso?

De acordo com o Regulamento de Direitos Especiais do Estudante da UC (RDEEUC), têm acesso a esta época os estudantes nas seguintes situações:

No RDEEUCDireitos conferidos
art. 42º
Estudante finalista

O estudante finalista pode utilizar a época extraordinária para pedir a antecipação da época especial do ano letivo em curso, caso lhe falte apenas concluir 2 unidades curriculares semestrais ou equivalente (1 anual), devendo fazê-lo até à data definida no calendário de prazos para esse ano letivo. Ao solicitar esta antecipação perderá, contudo, a possibilidade de usufruir, se disso tiver necessidade, da época especial seguinte.

ATENÇÃO:

  • A antecipação de exame só pode acontecer para as unidades curriculares que já tenham sido frequentadas no ano letivo anterior, nesse mesmo ciclo de estudos. Estão aqui incluídas as dissertações de mestrado, os estágios, o projetos e similares.
  • Se o estudante frequentou essa unidade como isolada, não conta como sendo uma reinscrição.
art. 21º
Estudante dirigente associativo jovem da UC

Requerer em cada ano lectivo 5 exames em época extraordinária, além do exame na época normal, recurso e especial, com um máximo de 2 exames por unidade curricular.

Estes direitos podem ser exercidos durante 1 ano após o fim do mandato de dirigente, desde que o mandato tenha sido efectivamente exercido pelo menos 1 ano. Se este período de aplicação terminar após o início de um semestre, a regalia estende-se às unidades curriculares desse semestre se decorreram pelo menos dois meses desde o início do semestre.

Conferida por Legislação: art. 25º da Lei 23/2006 de 23 de Junho.

art.º 16º Militares em regime de contrato e regime de voluntariado
.

Os militares que não possam prestar provas de avaliação nas datas em que devam ocorrer, têm direito a fazê-lo em época extraordinária, desde que comprovem tal situação, no SGA, até 5 dias úteis após a finalização do impedimento.

Conferida por Legislação: n.os 7 e 8 do artigo 3.º, do Decreto -Lei n.º 320 -A/2000, de 15 de Dezembro, na redacção dada pelo Decreto -Lei n.º 320/2007, de 27 de Setembro.

art.13º
Bombeiros dos corpos profissionais,
mistos ou voluntário

Os bombeiros com pelo menos 2 anos de serviço efetivo têm direito a requerer até 5 exames extraordinários em cada ano letivo, com um limite máximo de 2 exames por unidade curricular.

Conferida por Legislação: Decreto-Lei 241/2007 de 21 de Junho.

Quando são os exames?

Para as unidades curriculares normais, os exames extraordinários decorrem no início de cada ano letivo, no mês de outubro, e após o 1º semestre, no mês de março. A época de outubro é o primeiro momento de avaliação de cada ano letivo.

Para dissertações e similares, a defesa em época extraordinária pode ter outras datas definidas pelas faculdades.

Como realizar a inscrição em Exame Extraordinário?

  • Aceder à página de IMPRESSOS para obter o modelo de "Inscrição em exame extraordinário".
  • Preencher o impresso com o nome completo, número de estudante, nome das unidade curriculares a que pretende realizar exame extraordinário e o direito/situação especial que lhe dá acesso a essa época.
  • Formalizar a inscrição no Serviço de Gestão Académica: 
preencher o formulário www.uc.pt/academicos/e-mail. No tipo de pedido escolha "Realização de ato", e no assunto optar "Exames extraordinários".
OU num dos núcleos de atendimento (ver Mapa)

Qual o prazo de inscrição?

A inscrição nos exames a realizar na época extraordinária deve ser efetuada de acordo com os prazos definidos no calendário anual esse ano letivo (em outubro e março), disponível aqui.