a carregar...

UC.PT

Divisão de Projetos e Atividades

SII&DT 17562 STOP

Centro 2020


Código da Operação: CENTRO-01-0247-FEDER-017562

Referência SII&DT 17562 STOP

Acrónimo: STOP

Título: STOP - Seguranças RobÓticos CoOPerativos

Área Científica: Tecnologias de Informação e Comunicação

Síntese do Projeto: A Ingeniarius tem promovido I&D na área da robótica, centrando-se no desenvolvimento de robôs móveis com resultados promissores, sejam esses terrestres, marítimos ou voadores. No entanto, tais soluções encontram-se exclusivamente desenhadas para a promoção de atividades de I&D, encontrando-se assim limitadas quanto à sua progressão para mercados mais aliciantes e em expansão. Adicionalmente, o tempo útil de desenvolvimento das soluções apresentadas pela Ingeniarius até à data torna inviável a aplicabilidade dessas nesses mercados, focando-se, tal como a concorrência descrita anteriormente, na conceção mecatrónica das plataformas, e não na integração dessas num sistema com aplicabilidade prática de prestação de serviços. Contudo, o interesse estratégico é real e é prioritária a obtenção de know-how adicional sobre a integração de soluções robóticas em sistemas que apresentem um valor acrescentado para a sociedade em geral, que só pode ser correspondido com um projeto em copromoção estruturado, de maior envergadura, e que envolva competências que não existem atualmente na empresa, mas que devem ser desenvolvidas e endogeneizadas.
A prossecução de um projeto sem incentivo só seria possível com a subcontratação de serviços, sendo tecnicamente viável, mas sem retorno de know-how, atualmente fundamental para a sustentabilidade da empresa. Por outro lado, a integração da solução como sistema robótico off-the-shelf ficaria sempre dependente do utilizador final. Em suma, a Ingeniarius poderia executar um projeto similar ao sistema STOP, mas com objetivos menos ambiciosos, com elevada dependência de utilizadores finais, e com menor impacto na demonstração da viabilidade da tecnologia.
Com o incentivo ora solicitado, o projeto irá ao encontro do interesse estratégico da empresa, sobretudo da absorção de know-how e na redução do time-to-market. O projeto alarga automaticamente o seu âmbito, podendo-se apontar os seguintes aspetos:
- partilha de riscos com os copromotores que contribuem para o desenvolvimento de know-how, com todas as competências necessárias;
- propriedade sobre resultados de I&D mais alargados, ambiciosos e de maior valor;
- redução substancial de encargos com subcontratação, redirecionando esse orçamento para o desenvolvimento tecnológico e produção de demonstradores com maior impacto na endogeneização da tecnologia e na promoção de novas soluções;
- ao promover este projeto, envolvendo entidades do Sistema Científico e Tecnológico (ISR-UC e CTCV), e tratando-se ademais de um projeto que inclui tarefas de investigação industrial aplicada, a empresa está a solidificar e aumentar o seu nível de cooperação com o Sistema Científico e Tecnológico, em dimensão, âmbito e orçamento.
Em suma, o incentivo solicitado para este projeto permitirá a obtenção de resultados mais ambiciosos, minimizando a
dependência tecnológica de fornecedores e o risco associado à introdução de uma nova solução para os potenciais utilizadores finais, vertendo-se, por outro lado, num maior impacto do conhecimento interno sobre a tecnologia.

Investigador Responsável: Professor Doutor Rui Rocha

Programa de Financiamento: PT2020-SII&DT – Copromoção

Instituição Financiadora: Agência Nacional de Inovação, S.A.

Data de início: 01-10-2016

Data de conclusão: 30-09-2019

Instituições participantes no Projeto: Ingenarius (promotor); Universidade de Coimbra; Centro Tecnológico da Cerâmica e do Vidro

Custo total elegível (EUR): 95.709,55€

Apoio financeiro da UE: 71.313,41

Apoio financeiro público nacional: 24.396,14€

Técnico do Projeto: Sara Santos

Contacto: 239247016