a carregar...

EfS-UC

Energy and Mobility for SUstainable REgions

Quem somos

Integrado na iniciativa Energia para a Sustentabilidade (EFS) da Universidade de Coimbra, o projeto Energy and Mobility for SUstainable REgions (EMSURE) carateriza-se como um empreendimento de investigação orientado para questões tão diversas como a produção e manutenção de recursos energéticos, planeamento urbano, gestão de transportes e mobilidade ou desenvolvimento de soluções que visem a sustentabilidade de edifícios, entre outras.

Tem como principal objetivo desenvolver modelos, metodologias e tecnologias, no âmbito da energia e da mobilidade, que permitam aos decisores e empresas tornar a Região Centro de Portugal verdadeiramente sustentável, atuando ao nível de:

  • Caraterização e modelação dos recursos energéticos, do lado da oferta e do lado da procura;

  • Planeamento e avaliação de estratégias integradas de gestão de energia, englobando neste processo critérios como a rede elétrica, a produção local e armazenamento de energia elétrica e termal, e cargas de interruptibilidade cambiável;

  • Modelação e simulação de um sistema de gestão de energia capaz de administrar o uso de energia da casa ou de pequenas empresas, em tempo real, recorrendo a algoritmos para coordenar a necessidade e acumulação de energia, produção energética e venda;

  • Desenvolvimento de modelos e instrumentos de apoio à decisão para o planeamento de adaptação de edifícios existentes;

  • Desenvolvimento de métodos de avaliação e soluções tecnológicas para edifícios com necessidades quase nulas de energia;

  • Avaliação do potencial geotérmico para a produção de energia em zonas específicas da Região Centro;

  • Desenvolvimento de modelos para o estudo da viabilidade de produção de biocombustíveis a partir de resíduos florestais;

  • Desenvolvimento de métodos e modelos de planeamento da rede de transportes;

  • Planeamento de novos modelos de transporte urbano e serviços respetivos;

  • Desenvolvimento de métodos e modelos de gestão da manutenção rodoviária


A investigação sobre estes temas exigirá ainda a avaliação da sustentabilidade dos modelos de planeamento e metodologias, a fim de avaliar cuidadosamente os possíveis méritos da sua implementação em escala além dos projetos-piloto. Esta avaliação da sustentabilidade exigirá o desenvolvimento de novas abordagens metodológicas, promovendo assim os avanços da teoria e metodologia, nas áreas de análise de decisão multi-critério, avaliação do ciclo de vida, otimização multiobjectivo, análise custo-benefício, análise input-output, bem como a avaliação de impacto integrada.