a carregar...

FCTUC

Química Física Molecular

Química Física Molecular


HISTÓRIA

A Unidade de Investigação e Desenvolvimento "Química-Física Molecular" (QFM-UC), fundada em 1994 sob a coordenação do Prof. Doutor José Teixeira Dias, emergiu da linha de investigação com o mesmo nome que integrava o ex-Centro do INIC existente no Departamento de Química da Universidade de Coimbra desde 1979, e na sequência do sucesso da candidatura ao Programa Ciência (0029/M/90), que os membros fundadores submeteram e lhes permitiu equipar, em 1992, o Laboratório de Espectroscopia Vibracional com aparelhagem topo de gama de elevada versatilidade.

A QFM-UC é, desde a sua fundação, financiada pelo Programa de Financiamento Plurianual da Fundação para a Ciência e Tecnologia (Unidade I&D nº 70/94). Desde 1998 a coordenação da Unidade tem estado a cargo do Prof. Doutor António Amorim da Costa.


OBJECTIVOS

A Unidade é composta por três grupos interligados:

A) Espectroscopia Vibracional e Métodos Computacionais - VSPEC (Coordenador: Luis Batista de Carvalho);

B) Quimioprevenção,Terapia e-Toxicidade - CHEMPTT (Coordenadora: Maria Paula Marques);

C) Química / Ciências da Educação, Filosofia e História - MELEAP (Coordenadora: Maria Arminda Pedrosa), sob a supervisão do coordenador da Unidade (AM Amorim da Costa), e a assistência de um Comissão Científico (todos os membros da Unidade de PhD) e uma Comissão de Acompanhamento Externo. A Unidade QFM de I&D passa por trabalho de pesquisa dentro de dois temas principais: 

  1. Estrutura Molecular com foco no estudo de sistemas biologicamente relevantes, tais como poliaminas biogénicas e complexos poliamina, derivados polifenólicos (fitoquímicos, por exemplo), drogas de abuso, e compostos de inclusão ciclodextrina; 
  2. Química / Ciências da Educação, Filosofia e História, em relação aos estudos científicos sobre a aprendizagem e o ensino de Química, bem como sobre a história das Ciências Químicas. 


A natureza multidisciplinar desta Unidade de I&D tem determinado o tipo de actividade de investigação realizada nos últimos anos: o estudo de sistemas biologicamente relevantes, desde o nível molecular - síntese e caracterização físico-química (nomeadamente por cálculos teóricos e técnicas espectroscópicas) - à determinação das propriedades destes compostos bioativos (potencialmente preventivas e / ou terapêuticas). Os sistemas estudados são essencialmente poliaminas biogénicas e enzimas reguladoras, complexos de Pt (II) e Pd (II)-poliamina , fitoquímicos, não-esteróides anti-inflamatórios (AINEs), opiáceos e outras drogas de abuso têm sido objeto de tais estudos, visando na elucidação das relações estrutura-atividade decisão sua função biológica permitindo assim um desenho racional de novos quimiopreventivo e / ou agentes quimioterápicos. Estudos sobre os mecanismos associados ao Cr (VI) induzida carcinogênese também estão em andamento. 


A Unidade tem um Laboratório de Espectroscopia Vibracional actualizado e uma sala de cultura celular recentemente equipados, bem como um laboratório para síntese orgânica / inorgânica, e largas facilidades computacionais para a realização de cálculos de mecânica quântica. 


Os aspectos históricos e conquistas da pesquisa sobre a estrutura molecular procuram ajudar os alunos-alvo e professores a compreender melhor a natureza da matéria e os processos de transformação, dentro de uma das ciências académicas. Eles permitem a familiarização com alguns dos mais importantes desenvolvimentos em química, nomeadamente no âmbito da "Energia", "Entropia", "Átomos", "Simetria" e "Quantificação de Energia". Alguns dos resultados obtidos ao longo do trabalho de pesquisa será útil para modelar, ilustrar e enfatizar como os átomos interagem uns com os outros, dentro e entre as moléculas, levando a novas entidades, incluindo os que propositadamente procurados.

Ao explorar problemas e perspectivas da estrutura molecular, as actividades realizadas na educação científica tem como objectivo melhorar a aprendizagem de matérias químicas numa perspectiva de desenvolvimento sustentável. Isto é tanto uma dimensão química educacional importante e um conhecimento filosófico no trabalho de investigação.


 _____________________________________________________________________________

A Unidade de Química-Física Molecular é financiada em 2011 e 2012 pelo Estado Português através da FCT – Fundação para a Ciência e a Tecnologia no âmbito do projecto estratégico PEst-OE/QUI/UI0070/2011.

fct_flag