a carregar...

DEQ

Departamento de Engenharia Química da FCTUC

Image ensino - MIEQ

O curriculum do Mestrado Integrado em Engenharia Química (MIEQ) baseia-se em princípios associados às “ Novas Fronteiras no Ensino da Engenharia Química”, refletindo a relação triangular “Moléculas-Produto-Processo”, a análise multi-escala dos fenómenos, a adoção de abordagens sistémicas e a sustentabilidade dos processos industriais, visando proporcionar uma formação multifacetada aos futuros Engenheiros Químicos.

O MIEQ está homologado no âmbito do Processo de Bolonha, acreditado pela Agência de Avaliação e Acreditação do Ensino Superior (A3ES) por 6 anos (desde Abril de 2015), e tem o selo Europeu de qualidade EUR-ACE (desde Abril de 2017).

Podem candidatar-se ao MIEQ os estudantes do ensino secundário que completem o 12º ano e obtenham classificação positiva nos exames nacionais de acesso ao ensino superior de Matemática A e Fisico-Química (código do MIEQ na DGES: 9461). Como ilustrado no esquema anexo, após o Primeiro Ciclo de estudos, que abrange três anos, os alunos são considerados Licenciados em Ciências da Engenharia. Contudo, podem de imediato prosseguir para o Segundo Ciclo (e daí a designação de Mestrado Integrado), com a duração de 2 anos, cuja conclusão lhes confere o grau de Mestre em Engenharia Química. Alunos com outra formação a nível do 1º Ciclo podem também candidatar-se à frequência do 2º Ciclo em Engenharia Química mediante um plano de estudos. No 4º ano, os alunos têm de optar por uma de duas áreas de especialização: Processo, Ambiente e Energia ou Biossistemas. O plano curricular é complementado com um trabalho conducente à Dissertação do Mestrado, a realizar em exclusividade no segundo semestre do 5º ano, e que pode ser feito em ambiente académico e/ou industrial (estágio). De salientar que o grau de Engenheiro Químico, atribuído pela Ordem dos Engenheiros, exige a aprovação do 2º Ciclo.

Os alunos que pretendam realizar estudos de pós-graduação, prosseguem para o Terceiro Ciclo, que é constituído por um ano curricular seguido de investigação autónoma conducente à elaboração da Tese de Doutoramento e obtenção do respetivo grau.