a carregar...

FLUC

Centro de Línguas

Italiano



Nome do/a docente

Língua e Cultura Italianas I

Apresentação

Inserido na oferta de Cursos de Formação do Centro de Línguas da FLUC, este curso destina-se a quem deseja iniciar a aprendizagem da Língua Italiana, como principiante puro.

O curso prevê dois encontros semanais de 2 horas, ao longo do semestre lectivo, num total de 60 horas. Corresponde ao nível A1 do Quadro Europeu Comum das Línguas.

Conhecimentos de base recomendados: Destina-se a principiantes puros.

Métodos de ensino:

Aula frontal, Role-Play, desenvolvimento de competências pragmático-comunicativas, para uma aprendizagem da Língua Italiana correspondente às exigências e ao interesse dos alunos.

Resultados de aprendizagem:

Os alunos irão desenvolver capacidades de compreensão, produção e interacção linguística em Italiano compatíveis com um nível de elementar, correspondente ao nível A1 do Quadro Europeu Comum de Referência para as Línguas.

Segundo a grelha de auto-avaliação do nível europeu:

Compreensão oral – Sou capaz de reconhecer palavras e expressões simples de uso corrente relativas a mim próprio, à minha família e aos contextos em que estou inserido, quando me falam de forma clara e pausada.

Leitura – Sou capaz de compreender nomes conhecidos, palavras e frases muito simples, por exemplo, em avisos, cartazes ou folhetos.

Interacção oral – Sou capaz de comunicar de forma simples, desde que o meu interlocutor se disponha a repetir ou dizer por outras palavras, num ritmo mais lento, e me ajude a formular aquilo que eu gostaria de dizer. Sou capaz de perguntar e de responder a perguntas simples sobre assuntos conhecidos ou relativos a áreas de necessidade imediata.

Produção oral – Sou capaz de utilizar expressões e frases simples para descrever o local onde vivo e pessoas que conheço.

Escrever – Sou capaz de escrever um postal simples e curto, por exemplo, na altura de férias. Sou capaz de preencher uma ficha com dados pessoais, por exemplo, num hotel, com nome, morada, nacionalidade.

Programa:

Serão estudadas situações comunicativas e conteúdos que facultem aos alunos as aptidões e os conhecimentos necessários (ao nível lexical, comunicativo e estrutural) para uma utilização da língua compatível com o nível em causa.

CONTEÚDOS FUNCIONAIS:

Apresentar-se e apresentar outros, fórmulas de cortesia; escrever uma carta/postal; falar na rotina diária; aceitar/rejeitar uma proposta/um convite; interagir num local público; exprimir concordância e/ou discordância; pedir e dar informações sobre trajetos; descrever uma casa, marcar um quarto num hotel e conhecer os serviços disponibilizados.

LÉXICO:

Nomes de países e profissões; o alfabeto; os números; as horas; locais e serviços públicos; comida e bebidas; as cores; os dias da semana; os horários; os meses; expressões de espaço e tempo, palavras relativas à vida universitária .

GRAMÁTICA:

Pronomes pessoais e artigos definidos e indefinidos; adjetivos de nacionalidade; adjetivos demonstrativos; pronomes interrogativos; preposições; singular e plural; concordância artigos, nomes e adjetivos; o presente do indicativo dos verbos regulares, dos verbos reflexivos e alguns irregulares, advérbios de frequência.

PRONÚNCIA E ORTOGRAFIA:

Os sons do alfabeto; vogais e consoantes; acento de palavra; prosódia; consoantes duplas / geminação.

CULTURA:

Cumprimentos; turismo; serviços públicos; sociedade e tempo livre; a família; a comida e a cozinha italiana.

Avaliação:

A avaliação será preferencialmente contínua e a atribuição da nota final será feita de acordo com os seguintes parâmetros: assiduidade 10%, participação 20%, trabalhos de casa 20% e testes 50%.

Bibliografia:

A - Manual

Matteo La Grassa, L’Italiano all’Università 1,  Corso di lingua per studenti stranieri. Livello elementare (A1-A2), Edilingua ed.

B – Gramáticas

Patota, Giuseppe,  Grammatica di riferimento dell'Italiano contemporaneo, Novara, Garzanti, vv. ed.

Mea, Giuseppe , Gramática prática de Italiano para lusófonos, Porto, Porto Ed. vv. ed.

C - Dicionários de Italiano -Português e de Português - Italiano

Mea, Giuseppe, Dicionário de Italiano – Português, Dicionário de Português – Italiano,Porto, Porto Ed., vv.ed.

D1 - Dicionário monolíngue em rede 

Dicionário Sabatini/Coletti

D2 - Dicionário monolíngue em rede 

Dicionário Gabrielli

E - Guia em rede de verbos italianos           

Site de verbos italianos

Dra. Lorena di Francesco
lorenaf@uc.pt



Nome do/a docente

Língua e Cultura Italianas II

Apresentação

Na sequência dos Cursos de Formação de Língua e Cultura Italianas oferecidos pelo Centro de Línguas da FLUC, este curso destina-se a quem deseja desenvolver os seus conhecimentos de língua Italiana no sentido de alcançar um nível de utilização elementar.

O curso desenvolve-se com 2 encontros semanais de 2 horas ao longo do semestre lectivo, num total de 60 horas.

Língua de ensino:

Italiano

Conhecimentos de base recomendados:

Conhecimentos, certificados ou não, correspondentes ao nível A1 do Quadro Europeu Comum de Referência para as Línguas.

Métodos de ensino:

Serão propostas situações comunicativas específicas ligadas ao dia-a-dia e compatíveis com o nível elementar envolvendo sempre mais o aluno para ele ganhar uma segurança mais pró-ativa no uso da Língua Italiana.

Resultados de aprendizagem:

Os alunos irão desenvolver capacidades de compreensão, produção e interação linguística em Italiano compatíveis com um nível elementar, correspondente ao nível A2 do Quadro Europeu Comum de Referência para as Línguas.

Segundo a grelha de auto avaliação do nível europeu:

Compreensão oral - Sou capaz de compreender expressões e vocabulário de uso mais frequente relacionado com aspectos de interesse pessoal como, por exemplo, família, compras, trabalho e meio em que vivo. Sou capaz de compreender o essencial de um anúncio e de mensagens simples, curtas e claras.

Leitura - Sou capaz de ler textos curtos e simples. Sou capaz de encontrar uma informação previsível e concreta em textos simples de uso corrente, por exemplo, anúncios, folhetos, ementas, horários. Sou capaz de compreender cartas pessoais curtas e simples.

Interação oral - Sou capaz de comunicar em situações simples, de rotina do dia-a-dia, sobre assuntos e atividades habituais que exijam apenas uma troca de informação simples e direta. Sou capaz de participar em breves trocas de palavras, apesar de não compreender o suficiente para manter a conversa.

Produção oral - Sou capaz de utilizar uma série de expressões e frases para falar, de forma simples, da minha família, de outras pessoas, das condições de vida, do meu percurso escolar e do meu trabalho atual ou mais recente.

Escrever - Sou capaz de escrever notas e mensagens curtas e simples sobre assuntos de necessidade imediata. Sou capaz de escrever uma carta pessoal muito simples, por exemplo, para agradecer alguma coisa a alguém.

Programa:

O curso pretende fornecer conhecimentos de prática linguística em Italiano compatíveis com um nível elementar. Neste sentido serão analisadas e focalizadas situações comunicativas compatíveis com o nível de iniciação e será a partir delas que os alunos entrarão em contacto com os conteúdos necessários (ao nível lexical, comunicativo e estrutural) para uma utilização da língua compatível com o nível em causa.

PRONÚNCIA E ORTOGRAFIA

Ênfase sobre os fenómenos fonéticos contrastivos.

GRAMÁTICA:

Flexão nominal; composição morfológica; alguns prefixos de negação (in+nome); flexão verbal nos modos indicativo (passato prossimo, imperfeito, futuro semplice, imperativo, particípio presente e passado); si impessoal; verbos modais; pronomes pessoais de complemento direto e indireto; preposições (preposições simples e articuladas); pronomes e adjetivos possessivos; pronomes e adjetivos indefinidos. A frase simples; A frase complexa; orações coordenadas sindéticas conclusivas, disjuntivas, correlativas; orações subordinadas concessivas; subordinadas completivas; subordinadas relativas; subordinadas condicionais factuais; subordinadas causais.

LÉXICO E CULTURA:

Elementos basilares de atos comunicativos específicos; família, espaço doméstico; tempo cronológico e atmosférico; mobilidade e tempo livre; comércio; principais atividades diárias; cidades de arte italianas.

Avaliação:

A avaliação será contínua e a atribuição da nota final será feita de acordo com os seguintes parâmetros: assiduidade 10%, participação 20%, trabalhos de casa 20% e testes 50%.

Bibliografia:

A - Manual

Matteo La Grassa, L’Italiano all’Università 1,  Corso di lingua per studenti stranieri. Livello elementare (A1-A2), Edilingua ed.

B – Gramáticas

Patota, Giuseppe,  Grammatica di riferimento dell'Italiano contemporaneo, Novara, Garzanti, vv. ed.

Mea, Giuseppe , Gramática prática de Italiano para lusófonos, Porto, Porto Ed. vv. ed.

C - Dicionários de Italiano -Português e de Português - Italiano

Mea, Giuseppe, Dicionário de Italiano – Português, Dicionário de Português – Italiano,Porto, Porto Ed., vv.ed.

D1 - Dicionário monolíngue em rede 

Dicionário Sabatini/Coletti

D2 - Dicionário monolíngue em rede 

Dicionário Gabrielli     

E - Guia em rede de verbos italianos           

Site de verbos italianos

Dra. Lorena di Francesco
lorenaf@uc.pt

Nome do/a docente

Língua e Cultura Italianas III

Apresentação

Na sequência dos Cursos de Formação de Língua e Cultura Italianas oferecidos pelo Centro de Línguas da FLUC, neste curso serão curadas a leitura e a produção escrita em língua italiana e a conversação visas a construir, de forma mais dinâmica e autónoma, debates, exposições e apresentações aperfeiçoando os conhecimento de base, tornando o estudante sempre mais independente no uso da Língua Italiana para um nível próximo do B1 do Quadro Europeu Comum de Referência das Línguas.

Língua de ensino: Italiano

Conhecimentos de base recomendados:

Italiano II ou conhecimentos correspondentes ao nível A2 do Quadro Europeu Comum de Referência para as Línguas.

Métodos de ensino:

Durante o semestre será desenvolvido o tema: Italia del Nord ed Italia del Sud : storia, geografia e cultura di una divisione piú o meno apparente.

Serão lidos e analisados textos literários, históricos e artigos de imprensa compatíveis com o nível B1 e relativos ao tema escolhido

Serão visionados filmes e outros materiais audiovisuais em Italiano.

Serão realizados pelos alunos, coadjuvados pela professora, debates, discussões e apresentações.

Resultados da aprendizagem

No final do curso o aluno será capaz de trabalhar com textos em Língua Italiana de forma mais autónoma e consciente adquirindo também uma segurança na pronúncia e na ortografia próximos do Nível B1 do Quadro Europeu Comum de Referência para as Línguas.

Programa

1. Pronúncia e ortografia

Acento tónico e acento gráfico; acento de frase e entoação; grafia correta de sons velares e palatais em italiano; consoantes duplas vs. consoantes simples (aprofundamento).

2. Estrutras morfo-sintácticas

- diferente utilização passato prossimo e imperfeito;

- posição do adjectivo qualificativo;

- adjectivos qualificativos (graus comparativo e superlativo, regulares e irregulares);

- pronomes pessoais (formas tónicas e formas átonas);

- pronomes relativos;

-adjectivos e pronomes possessivos, demonstrativos, interrogativos e pronomes indefinidos (ogni, ciascuno, nessuno, qualche);

- preposições articuladas;

- conjugação das formas activa e reflexiva dos verbos regulares, dos verbos modais e dos verbos dare, fare, stare, andare, potere, sapere, bere, dire, venire no indicativo presente, passato prossimo, imperfeito, infinito presente, imperativo, trapassato prossimo, passato remoto, condicional presente e passado; subjuntivo presente e passado com os verbos que indicam opinião,

-advérbios qualificativos de tempo, de quantidade e de lugar mais frequentes;

-frase simples, proposições declarativas, interrogativas, exclamativas, volitivas com imperativo e condicional;

-frase complexa, proposições coordenadas copulativas, adversativas, declarativas; proposições subordinadas objetivas implícitas, temporais, causais, declarativas, relativas explícitas.

- uso da preposição di + infinitivo em proposições com o mesmo sujeito

- conjunções subordinativas com o conjuntivo (affinché, perché, prima che, a patto che)

3. Léxico e cultura

Além do vocabulário mais especifico para um nível B1(Roupa; acessórios de moda; atividades desportivas; partes do corpo; metáforas com os órgãos sensoriais; o individuo na sociedade; pontos cardinais; estados da alma; movimentos migratórios; horóscopo; utensílios de cousinha) será também desenvolvido através da leitura, da contextualização e dos debates relativos ao tema proposto para o semestre: Viaggio in Italia tra  geografia, storia, personaggi e tradizioni.

Avaliação:
A avaliação será preferencialmente contínua.

Bibliografia:

A - Manual

Matteo La Grassa, L’Italiano all’Università 2,  Corso di lingua per studenti stranieri. Livello intermedio (B1-B2), Edilingua ed.

B – Gramáticas

Patota, Giuseppe,  Grammatica di riferimento dell'Italiano contemporaneo, Novara, Garzanti, vv. ed.

Mea, Giuseppe , Gramática prática de Italiano para lusófonos, Porto, Porto Ed. vv. ed.

C - Dicionários de Italiano -Português e de Português - Italiano

Mea, Giuseppe, Dicionário de Italiano – Português, Dicionário de Português – Italiano,Porto, Porto Ed., vv.ed.

D1 - Dicionário monolíngue em rede 

Dicionário Sabatini/Coletti 

D2 - Dicionário monolíngue em rede 

Dicionário Gabrielli

E - Guia em rede de verbos italianos           

Site de verbos italianos

Dra. Lorena di Francesco
lorenaf@uc.pt

Nome do/a docente

Língua e Cultura Italianas IV

Apresentação

Na sequência dos Cursos de Formação de Língua e Cultura Italianas oferecidos pelo Centro de Línguas da FLUC, neste curso serão curadas a leitura e a produção escrita em língua italiana e a conversação visas a construir, de forma mais dinâmica e autónoma, debates, exposições e apresentações aperfeiçoando os conhecimento de base, tornando o estudante mais independente no uso da Língua Italiana para um nível próximo do B2 do Quadro Europeu Comum de Referência das Línguas.

Língua de ensino: Italiano

Conhecimentos de base recomendados:

Italiano III ou conhecimentos correspondentes ao nível B1 do Quadro Europeu Comum de Referência para as Línguas.

Métodos de ensino:

O tema desenvolvido durante o semestre será: Viaggio in Italia: tra borghi e cittá ricchi di storia, cultura e tradizione.

Serão lidos e analisados textos literários, históricos e artigos de imprensa compatíveis com o nível B2 e relativos ao tema escolhido

Serão visionados filmes e outros materiais audiovisuais em Italiano.

Serão realizados pelos alunos, coadjuvados pela professora, debates, discussões e apresentações.

Resultados da aprendizagem

No final do curso o aluno será capaz de trabalhar com textos em Língua Italiana de forma mais autónoma e consciente adquirindo também uma segurança na pronúncia e na ortografia próximos do Nível B2 do Quadro Europeu Comum de Referência para as Línguas.

Programa

1. Pronúncia e ortografia

Acento tónico e acento gráfico; acento de frase e entoação; grafia correcta de sons velares e palatais em italiano; consoantes duplas vs. consoantes simples (aprofundamento).

2. Estruturas morfo-sintácticas

Serão fornecidas fichas gramaticais + relativas exercitações para o aperfeiçoamento destas estruturas morfo-sintácticas:

- pronomes alocutivos;

- pronomes e adjetivos indefinitos;

- pronomes combinados;

- partículas pronominais;

- conjugação e uso da forma ativa e reflexiva dos verbos regulares e irregulares, e dos verbos modais nos modos e tempos do indicativo presente, passato prossimo, imperfeito, passato remoto, mais-que-perfeito, futuro simples e anterior, condicional presente e passado, subjuntivo imperfeito e mais que perfeito, infinitivo presente e passado, imperativo,

- forma passiva

- usos de formas pronominais ci e ne

- verbos impessoais;

- mais frequentes advérbios de opinião e dúvida;

- a frase simples: proposições volitivas no conjuntivo, no indicativo e no infinitivo;

- a frase complexa: proposições coordenadas disjuntivas, conclusivas, correlativas

- a frase complexa: proposições subordinadas subjetivas finais, comparativas, condicionais (hipótese real, hipotética e irreal), concessivas explícitas, consecutivas explícitas, temporais implícitas.

3. Léxico e cultura

A parte relativa à cultura e ao léxico e à conversação será desenvolvida quer através do livro de texto (instrumentos musicais música e músicos, criminalidade, linguagem dos SMS e chat;animais, expressões que utilizam nomes de animais, meio ambiente; cinema e espetáculos) quer a partir do tema: Viaggio in Italia tra  geografia, storia, personaggi e tradizioni.

Avaliação:

A avaliação será preferencialmente contínua.

Bibliografia:

A - Manual

Matteo La Grassa, L’Italiano all’Università 2,  Corso di lingua per studenti stranieri. Livello intermedio (B1-B2), Edilingua ed.

B – Gramáticas

Patota, Giuseppe,  Grammatica di riferimento dell'Italiano contemporaneo, Novara, Garzanti, vv. ed.

Mea, Giuseppe , Gramática prática de Italiano para lusófonos, Porto, Porto Ed. vv. ed.

C - Dicionários de Italiano -Português e de Português - Italiano

Mea, Giuseppe, Dicionário de Italiano – Português, Dicionário de Português – Italiano, Porto, Porto Ed., vv. ed.

D1 - Dicionário monolíngue em rede 

Dicionário Sabatini/Coletti 

D2 - Dicionário monolíngue em rede 

Dicionário Gabrielli

E - Guia em rede de verbos italianos           

Site de verbos italianos

Dra. Lorena di Francesco
lorenaf@uc.pt
Regime:

60 horas

4h/semana

Nome do/a docente

Laboratório I de Italiano

Breve descrição do curso

O Laboratório I de Italiano destina-se aos/às estudantes que já têm bons conhecimentos da língua italiana (a partir do nível B1 do QECRL), mas que pretendem melhorar, consolidar e aprofundar estes conhecimentos. Será privilegiada a produção escrita e oral sobretudo dos aspectos mais complexos da língua italiana (ver conteúdos gramaticais mais específicos) trabalhando com materiais autênticos.

Nível de conhecimentos exigidos

Frequência, com sucesso, do Curso de Formação de Língua e Cultura Italianas IV, ou com conhecimentos de Italiano correspondentes ao nível B1 do QECRL.

Objetivos

Neste curso serão privilegiadas a leitura, a produção escrita e a conversação em língua italiana visando construir, de forma mais dinâmica e autónoma, debates, exposições e apresentações aperfeiçoando os conhecimento de base, tornando o formando mais independente no uso da língua italiana para um nível próximo do B2 do Quadro Europeu Comum de Referência das Línguas.

Conteúdos

1. Pronúncia e ortografia

Acentuação; grafia correta de sons velares e palatais em italiano; consoantes duplas vs. consoantes simples

2. Estruturas morfossintáticas

- pronomes e adjetivos indefinidos;

- revisão dos pronomes combinados;

- partículas pronominais ci/ne;

- revisão da conjugação e do uso da forma ativa e reflexiva dos verbos regulares e irregulares, e dos verbos modais nos modos e tempos do indicativo (presente, passato prossimo, imperfetto, trapassato prossimo, passato remoto, futuro semplice e anteriore) condicional (presente e passato) conjuntivo (presente, imperfetto, passato e trapassato) infinitivo presente e passado, imperativo.

- uso da forma passiva,

- verbos impessoais;

- mais frequentes advérbios de opinião e dúvida;

- orações coordenadas copulativas, adversativas, disjuntivas e conclusivas

- orações subordinadas temporais, causais, finais, concessivas, consecutivas

- concordância dos tempos verbais na expressão da condição.

- articuladores para a produção de um texto argumentativo/ expositivo e narrativo.

3. Léxico e cultura

A parte relativa à cultura, ao léxico e à conversação será desenvolvida maioritariamente a partir do tema: Viaggio in Italia con Giovanni Boccaccio ed il Decamerone

Metodologia

O tema desenvolvido durante o semestre será: Viaggio in Italia con Giovanni Boccaccio ed il Decamerone. Serão lidos e analisados textos literários, históricos e artigos de imprensa compatíveis com o nível B2 relativos a este tema. Serão visionados filmes e outros materiais audiovisuais em Italiano. Serão realizados pelos formandos, coadjuvados pela professora, debates, discussões e apresentações.

Bibliografia

Boccaccio G, Chiara P., Decamerone:dieci novelle raccontate da Piero Chiara, Milano, Mondadori Editore

La Grassa M., Delitala M., Quercioli F., L’Italiano all’Università 2, Roma, Edilingua

Mea, Giuseppe, Gramática prática de Italiano para lusófonos, Porto, Porto Ed. vv. ed.

Mea, Giuseppe, Dicionário de Italiano – Português, Dicionário de Português – Italiano, Porto, Porto Ed., vv.ed.

Filippone A., Radicchi S. ,Caccia ai tesori, Torino, Loesher Ed., 2011

Patota, Giuseppe, Grammatica di riferimento dell'Italiano contemporaneo, Novara, Garzanti, vv. ed.

Será fornecida mais bibliografia no início das aulas.

Avaliação

A avaliação será contínua. A avaliação final será constituídos por uma apresentação escrita (min. 350 palavras) preparada durante o semestre pelo aluno relativa ao tema desenvolvido; uma apresentação oral de 20 minutos sobre o tema apresentado no curso; um teste escrito relativo só à parte gramatical no penúltimo dia de aulas.

Dra. Lorena di Francesco
lorenaf@uc.pt
Nome do/a docente

Laboratório II de Italiano

Breve descrição do curso

O Laboratório II de Italiano destina-se aos/às estudantes que já têm bons conhecimentos de língua italiana próximos do nível B2, mas que pretendem melhorar, consolidar e aprofundar estes conhecimentos. Será privilegiada a produção escrita e oral sobretudo dos aspectos mais complexos da língua italiana (ver conteúdos gramaticais mais específicos) trabalhando com matérias autênticos.

Nível de conhecimentos exigidos

Conhecimentos de Italiano próximo do nível B2 do QECRL.

Objetivos

Neste curso serão privilegiadas a leitura, a produção escrita e a conversação em língua italiana visando construir, de forma mais dinâmica e autónoma, debates, exposições e apresentações aperfeiçoando os conhecimento de base, tornando o formando mais independente no uso da língua italiana para um nível mais próximo do B2 do Quadro Europeu Comum de Referência das Línguas.

Conteúdos

1. Pronúncia e ortografia

Acentuação; grafia correta de sons velares e palatais em italiano; consoantes duplas vs. consoantes simples

2. Estruturas morfossintáticas

- revisão das partículas pronominais ci/ne e os verbos pronominais;

- revisão da conjugação e do uso da forma ativa e reflexiva dos verbos regulares e irregulares, e dos verbos modais nos modos e tempos do indicativo (presente, passato prossimo, imperfetto, trapassato prossimo, passato remoto, futuro semplice e anteriore) condicional (presente e passato) conjuntivo (presente, imperfetto, passato e trapassato) infinitivo presente e passado, imperativo.

- orações subordinadas que utilizam o conjuntivo

- o uso do gerúndio, do particípio presente e passado

- revisão e análise da sintaxe da frase simples e complexa

- revisão da concordância dos tempos verbais na expressão da condição.

- passagem do discurso directo para o discurso indirecto

3. Léxico e cultura

A parte relativa à cultura, ao léxico e à conversação será desenvolvida maioritariamente a partir do tema: La mafia e l’Italia.

Metodologia

O tema desenvolvido durante o semestre será: La mafia e l’Italia. Serão lidos e analisados textos literários, históricos e artigos de imprensa compatíveis com o nível B2 relativos a este tema. Serão visionados filmes e outros materiais audiovisuais em Italiano. Serão realizados pelos formandos, coadjuvados pela professora, debates, discussões e apresentações.

Bibliografia

La Grassa M., Delitala M., Quercioli F., L’Italiano all’Università 2, Roma, Edilingua

Mea, Giuseppe, Gramática prática de Italiano para lusófonos, Porto, Porto Ed. vv. ed.

Mea, Giuseppe, Dicionário de Italiano – Português, Dicionário de Português – Italiano, Porto, Porto Ed., vv.ed.

Filippone A., Radicchi S. ,Caccia ai tesori, Torino, Loesher Ed., 2011

Patota, Giuseppe, Grammatica di riferimento dell'Italiano contemporaneo, Novara, Garzanti, vv. ed.

Zingarelli, Vocabolario della lingua italiana, Bologna, Zanichelli, 2000.

Será fornecida mais bibliografia no início das aulas.

Avaliação

A avaliação será contínua. A avaliação final será constituídos por uma apresentação escrita (min. 350 palavras) preparada durante o semestre pelo aluno relativa ao tema desenvolvido; uma apresentação oral de 20 minutos sobre o tema apresentado no curso; um teste escrito relativo só à parte gramatical no penúltimo dia de aulas.

Dra. Lorena di Francesco
lorenaf@uc.pt
Regime:30 horas
2h/semana