a carregar...

CLP

Centro de Literatura Portuguesa

ReCodex: Formas e Transformações do Livro (2015-2020)


Equipa do Projeto

Coordenador:

Manuel Portela (Universidade de Coimbra)

Membros:

Abel Barros Baptista (Universidade Nova de Lisboa)

Ana Maria Machado (Universidade de Coimbra)

Jorge dos Reis (Universidade de Lisboa) [colaborador]

Ana Sabino (Estudante do Programa, Bolseira FCT)

Ana Sofia Aguilar (Estudante do Programa, Bolseira FCT)

Carolina Martins (Estudante do Programa, Bolseira FCT)

Catarina Figueiredo Cardoso (Estudante do Programa)

Élia Ramalho (Estudante do Programa)

Giorgia Casara (Estudante do Programa, Bolseira FCT)

Júlia Zuza (Estudante do Programa, Bolseira CAPES)

Priscila Monteiro (Estudante do Programa)

Rui Silva (Estudante do Programa, Bolseiro FCT)

Samuel Teixeira (Estudante do Programa)

Sandra Bettencourt (Estudante do Programa, Bolseira FCT)

Sofia Escourido (Estudante do Programa)

Tiago Santos (Estudante do Programa, Bolseiro FCT)


Sinopse

O projeto ReCodex: Formas e Transformações do Livro” investiga a performatividade do livro como máquina literária, considerando quer as formas impressas, quer as formas digitais. O prefixo “Re” remete para a dinâmica retroativa de construção do objeto, isto é, uma construção que recorre ao digital para descrever o analógico, por um lado, e recorre ao analógico para descrever o digital, por outro. Assim, a relação entre digital e analógico não toma a figura de uma transição teleológica mas de um processo de intermediação que implica a copresença e coimplicação de regimes de inscrição. Esta consciência dos processos remediadores no momento atual e ao longo da história dos média manifesta-se no desenvolvimento de metodologias de análise intermédia, que tanto se aplicam a livros digitais atuais como a livros impressos do passado. Podemos por isso resumir os objetivos deste projeto em três perguntas de investigação: o que é um livro do ponto vista concetual e material? O que nos dizem os processos, formas e práticas literárias sobre o livro como dispositivo e como medium? Como participam as formas e transformações do livro nos processos de significação literária?



Objetivos

a) Descrever e analisar o códice nos processos literários, seja a partir de obras que refletem sobre a sua codificação bibliográfica, como acontece com os livros de artista, seja a partir da análise dos processos materiais de produção na interação com processos poéticos e narrativos. A análise da sintaxe combinatória do códice no livro de artista ou a análise da interação texto-imagem no livro ilustrado para crianças são exemplos que se integram neste objetivo.

b) Descrever a recodificação digital do livro, isto é, o processo através do qual as funcionalidades do códice são remediadas e transformadas através de estruturas e formas digitais. Esta refuncionalização do livro afeta quer as formas do livro digital, quer as formas do códice impresso pós-digital. A análise da intensificação da experiência do livro, a análise da virtualização do livro ou a análise das convenções gráficas do livro são exemplos que se integram neste objetivo.

c) Produzir uma base de dados sobre o livro de artista em Portugal (1960-2010).



Calendarização

O projeto desenvolve-se em duas fases, coincidindo com o financiamento trienal do CLP: 2015-2017 (fase 1), 2018-2020 (fase 2).



Atividades previstas

1) Colóquio interno bienal “ReCodex: Formas e Transformações do Livro” para apresentação de resultados da investigação em curso pelos membros do projeto, juntamente com um ou dois convidados externos.

2) Missões de participação em colóquios externos (nacionais e internacionais) que versem temáticas afins do projeto.

3) Publicação de dois números da revista MATLIT dedicados a este tema de investigação: Vol. 2.1 (2014): Livro e Materialidade (coord. Abel Barros Baptista); e Vol. 7.1 (2019) [em preparação].



Teses de doutoramento no âmbito do Projeto

1. Ana Sabino (Bolseira FCT, 2014-2018), «Instruções de leitura: um estudo sobre convenções gráficas de apresentação da palavra escrita»

2. Carolina Martins (Bolseira FCT, 2015-2019), «Perspectivas da Espacialidade em Instalações de Narrativas Gráficas»

3. Catarina Figueiredo Cardoso, «Is this a book? Artist’s Books in Portugal 1960-2010»

4. Élia Ramalho, «A interação entre texto e imagem na obra ilustrada de Júlio Pomar»

5. Giorgia Casara (Bolseira FCT, 2015-2019), «As fronteiras do livro em Almada Negreiros»

6. Júlia Zuza (Bolseira CAPES, 2015-2019), «Texto, imagem e reconhecimento: Os tempos cruzados do Planeta Tangerina»

7. Priscila Monteiro, «Livros de fora para dentro: as composições poéticas e tipográficas de João Cabral de Melo Neto»

8. Samuel Teixeira, «Virtualização do Livro de Artista»

9. Sandra Bettencourt (Bolseira FCT, 2013-2017), «Processos de Retroação Digital na Página Impressa: Intensificação e Transformação da Experiência do Livro»

10. Sofia Escourido, «A página como possibilidade: Patrícia Portela, Joana Bértholo e Afonso Cruz»

11. Tiago Santos (Bolseiro FCT, 2015-2019), «Arqueologia e expressividade da letra tipográfica na poesia de Augusto de Campos»


Conferências e seminários por investigadores convidados
2016


Atividades do Projeto
2015
  • Simpósio"Materialidades da Literatura e Livros de Artista", Organização do Programa de Doutoramento em Materialidades da Literatura, Faculdade de Letras, Universidade de Coimbra e do Centro de Pesquisas William Blake, Universidade Federal de Santa Maria, FLUC, 10 de março de 2015.

Participação em Colóquios
2016
  • Carolina Martins (PD/BD/113767/2015), «Liberdade condicional: a performance do leitor em Building Stories, de Chris Ware». CONFIA – Conferência Internacional em Ilustração e Animação. Coord. Paula Tavares, Pedro Mota Teixeira, Marta Madureira, Jorge T. Marques e Manuel Albino. IPCA. Barcelos, Portugal, 10 a 12 de junho de 2016.
  • Carolina Martins (PD/BD/113767/2015), «You are Here: Movement and Vision in Marc-Antoine Mathieu’s SENS». Transitions 7: New Directions in Comics Studies — Simpósio que integra o Comica – The London International Comics Festival. Org. Birkbeck College, Studies in Comics, European Comic Art, Journal of Graphic Novels and Comics, Comics Grid and The Contemporary Fiction Seminar, 18 de novembro de 2016.
  • Manuel Portela,  “The Book of Disquiet Digital Archive as a role-playing experiment”, conferência no Maryland Institute for Technology in the Humanities, Universidade de Maryland, 29 de março de 2016.

  • Manuel Portela,  “The Book of Disquiet as a web 2.0 experiment”, conferência no Rochester Institute of Technology, 19 de abril de 2016.
  • Sandra Bettencourt (PD/BD/52251/2013), “The Book of Portraiture: o livro arqueológico digital”, Colóquio "Narrativa, Média e Cognição 2016", Faculdade de Letras da Universidade do Porto, 30 junho e 1 julho de 2016.
  • Sandra Bettencourt (PD/BD/52251/2013), “Romances em “trans-ação”. Uma cibertextualidade pós-digital”, no "CONGRESSO DE CIBERCULTURA. Circum-navegações em redes transculturais de conhecimento, arquivos e pensamento", Universidade do Minho, 13 e 14 de outubro de 2016.
2015
  • Ana Sabino (PD/BD/105704/2014), “O tipógrafo como crítico literário”, no "6º Encontro de Tipografia", Universidade de Aveiro, de 4 a 5 de dezembro de 2015.
  • Catarina Figueiredo Cardoso, "Os Livros das Cores: as iluminuras analógico-digitais de Isabel Baraona", Simpósio Materialidades da Literatura e Livros de Artista. Organização do Programa de Doutoramento em Materialidades da Literatura, Faculdade de Letras, Universidade de Coimbra e do Centro de Pesquisas William Blake, Universidade Federal de Santa Maria. Coimbra (Portugal), 10 de março de 2015.

  • Manuel Portela. "Simulation of Literary Performativity: A Digital Archive of the Book of Disquiet by Fernando Pessoa", Center for Digital Humanities, University of Gothenburg, 24 September 2015.

  • Manuel Portela e António Rito Silva. 2015. “Uses of the LdoD Archive: The Critical Reception of the Book of Disquiet as a Knowledge Management Problem”, international conference “Congresso de Humanidades Digitais em Portugal”, School of Humanities and Social Sciences, Nova University, Lisbon, October 8-9, 2015.
  • Manuel Portela. “From Representation to Simulation: Beyond the Bibliographical Horizon in the Book of Disquiet Archive”, keynote lecture, no colóquio “Consilience and Inclusion: Scientific and Cultural Encounters, Centro de História da Sociedade e da Cultura, Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, organização: Association of History, Literature, Science, and Technology, 19-21 de novembro de 2015.
  • Manuel Portela. “O Arquivo Digital do Livro do Desassossego como Performance Literária”. Encontro “On/Off: navegando pelas culturas digitais”, organizado pela Secção “Arte, Cultura e Comunicação” da Associação Portuguesa de Sociologia, Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra, 26 de novembro de 2015.

  • Manuel Portela. “Livros Iluminados Digitais: Autógrafo e Reprodução em The William Blake Archive”, conferência de abertura no “III Seminário de Estudos Blakeanos”, organizado pelo Programa de Pós-graduação em Letras da Universidade Federal de Santa Maria, 15 de dezembro de 2015.

  • Priscila Monteiro, “The Poetic Work Beyond the Text: João Cabral de Melo Neto’s Handmade Experiences in Literature” no colóquio "In Concert: Literature and the Other Arts", organizado pela South Atlantic Modern Language Association, Durham, North Carolina, USA, de 13 a 15 de novembro de 2015.
  • Sandra Bettencourt (PD/BD/52251/2013), “Iluminuras Digitais Impressas: os Imagotextos de Steve Tomasula”,  Simpósio Materialidades da Literatura e Livros de Artista. Organização do Programa de Doutoramento em Materialidades da Literatura, Faculdade de Letras, Universidade de Coimbra e do Centro de Pesquisas William Blake, Universidade Federal de Santa Maria. Coimbra (Portugal), 10 de março de 2015.
  • Sandra Bettencourt (PD/BD/52251/2013), “Digital and Material Feedbacks in Steve Tomasula’s Printed Novels”, no painel ‘Digital Materialities of the Literary Text’ organizado pelo Programa de Doutoramento em Materialidades da Literatura no colóquio internacional "Digital Material", National University of Ireland, Galway,  21-22 de maio de 2015.
  • Sandra Bettencourt (PD/BD/52251/2013), "Is it just a little bit late for the future of electronic literature?", no painel  organizado pelo Programa de Doutoramento em Materialidades da Literatura no colóquio internacional “ELO 2015: The End(s) of Electronic Literature”, na Universidade de Bergen, Noruega, de 5 a 7 de agosto de 2015.
2014
  • Samuel Teixeira, “Remediation of Artists’ Books”, no colóquio “Print, Produce, Publish“, organizado pela College Book Art Association,  Utah University,  Salt Lake City 2-4 de janeiro de 2014.
2013

Publicações do Projeto
2016

Artigos

  • Martins, Carolina. «Liberdade condicional: A performance do leitor em Building Stories, de Chris Ware». P. Tavares, P. M. Teixeira (Coord.): CONFIA: 4ª conferência Internacional em Ilustração e Animação, Barcelos, IPCA, 2016, pp. 255-263.
  • Portela, Manuel. “Topologia Digital da Página Impressa no Arquivo Digital da PO.EX”, Colóquio/Letras, Nº 193 (Set. 2016): 28-38. ISSN 0010-1451.

  • Portela, Manuel e António Rito Silva. “Fernando Pessoa's Book of Disquiet as a Dynamic Digital Archive”, in Edizioni Critiche Digitali: Edizioni a Confronto / Digital Critical Editions: Comparing Editions, Ed. Paola d’Italia. Roma: Università di Roma, La Sapienza, 2016: 23-35.

  • Portela, Manuel.  “A Simulação da Performatividade Literária no Arquivo LdoD”, Cultura e Digital em Portugal. Org. José Luís Garcia, António Teixeira Lopes e Teresa Duarte Martinho, Porto: Afrontamento, 2016. 89-101. [no prelo]

Recensões críticas

  • Bettencourt, Sandra. Publicação da recensão “Tornar Público: As Redes e os Contextos de uma Teoria da Publicação.”  [Recensão crítica de BHASKAR, Michael. The Content Machine: Towards a Theory of Publishing from the Printing Press to the Digital Network. London, New York and Delhi: Anthem Press, 2013]. MATLIT: Materialidades da Literatura 4.1 (2016): 212-215. Web. DOI:http://dx.doi.org/10.14195/2182-8830_4-1_17
  • Bettencourt, Sandra. “Publicação em Acesso Aberto ou Não, Eis a Questão.” [Recensão crítica à obra de Martin Paul Eve, Open Access and the Humanities: Contexts, Controversies and the Future. Cambridge University Press, 2014]. MATLIT: Materialidades da Literatura 4.2 (2016): 312-315. Web. DOI: http://dx.doi.org/10.14195/2182-8830_4-2_21
  • Portela, Manuel.“Designing Digital Editions”. [Review of Elena Pierazzo, Digital Scholarly Editing: Theories, Models and Methods. Farnham, UK: Ashgate, 2015], MATLIT: Materialidades da Literatura 4.2 (2016): 283-287. Web. DOI:http://dx.doi.org/10.14195/2182-8830_4-2_15
  • Sabino, Ana. «Ler para ver»[Recensão a Peter Mendelsund, What we see when we read. New York: Vintage Books, 2014, 448 pp]. MATLIT: Materialities of Literature [Online], 4.1 (2016): 216-219. Web. DOI: http://dx.doi.org/10.14195/2182-8830_4-1_18

Outras publicações

  • Bettencourt, Sandra. “‘The novel as multimedia, networked book’: An Interview with Steve Tomasula.” MATLIT: Materialidades da Literatura 4.1 (2016): 155-166. Web. DOI: http://dx.doi.org/10.14195/2182-8830_4-1_9
  • Cardoso, Catarina Figueiredo. «Sonnabend em Portugal». Artecapital – Magazine de Arte [em linha], Mai/2016.
2015

Artigos

  • Bettencourt, Sandra. “O Arquivo de Babel. Os Espaços Infinitos do Livro em Fernando Pessoa e Jorge Luis Borges.” Variaciones Borges 40 (2015): 65-83.
  • Teixeira, Samuel. ‘The Virtualization of Artists’ Books: The Rationale of Remediation’, Betwixt & Between (‘The Artist’s Book and Materiality / Het Kunstenaarsboek en Materialiteit’), Volume 36 (2015): 37-50. ISSN 0921-5026. ISBN 978-90-823018-2-3.

Recensões críticas

  • Bettencourt, Sandra. "O Literário Será Sempre Moderno? O Novo Nostálgico da Literatura Eletrónica." MATLIT: Materialities of Literature [Online], 3.1 (2015): 256-260. Web.DOI: http://dx.doi.org/10.14195/2182-8830_3-1_18

Outras publicações

  • Cardoso, Catarina Figueiredo, & Isabel Baraona (orgs.). Portuguese Small Press Yearbook 2015, Lisboa: PSPY, 2015.
2014

Edição de revista

Artigos

Recensões críticas

  • Bettencourt, Sandra. "Superfícies em Desconstrução: Uma Arqueologia Crítica das Interfaces da Literatura." MATLIT: Materialities of Literature [Online], 2.1 (2014): 199-202. Web. DOI:  http://dx.doi.org/10.14195/2182-8830_2-1_14

Outras publicações

  • Baptista, Abel Barros. "‘Vem de longe a marca do suporte material’: Uma Entrevista com João Luís Lisboa." MATLIT: Materialities of Literature [Online], 2.1 (2014): 159-164. Web. DOI: http://dx.doi.org/10.14195/2182-8830_2-1_8
  • Cardoso, Catarina Figueiredo, & Isabel Baraona (orgs.). Portuguese Small Press Yearbook 2014, Lisboa: PSPY, 2014.
  • Cardoso, Catarina Figueiredo, & Isabel Baraona. "Tipo.PT e Portuguese Small Press Yearbook". Revista Estúdio, Artistas sobre outras Obras, vol. 5 (2014): 214-221.
2013

Livros

  • Portela, Manuel. Scripting Reading Motions: The Codex and the Computer as Self-Reflexive Machines, Cambridge, MA: MIT Press.

Recensões críticas

  • Teixeira, Samuel. "The Art of Demediation: Conceptual Materialities of the Book(-)work." MATLIT: Revista do Programa de Doutoramento em Materialidades da Literatura [Online], 1.1 (2013): 204-207. Web. DOI http://dx.doi.org/10.14195/2182-8830_1-1_11

Outras publicações

  • Cardoso, Catarina Figueiredo, & Isabel Baraona (orgs.). Portuguese Small Press Yearbook 2013, Lisboa: PSPY, 2013.
  • Portela, Manuel, Catarina Figueiredo Cardoso, John D. Mock, & Ana Paula Dantas,"‘Eye-Mind-Design-Production’: An Interview with Johanna Drucker". MATLIT: Journal of the Doctoral Program in Materialities of Literature [Online], 1.1 (2013): 169-177. Web. URL: https://impactum.uc.pt/en/node/91314
  • Portela, Manuel (trad.). Johanna Drucker, "Modelando a Funcionalidade: Do Códice ao Livro Electrónico", Cibertextualidades, 5 (2013): 135-146. ISSN 1646-4435.
  • Portela, Manuel. "Materialidades da Literatura e Livros de Artista". Catarina Figueiredo Cardoso (Org.), Portuguese Small Press 2013. Lisboa: Portuguese Small Press Yearbook, 15-22.
  • Teixeira, Samuel. "Artists’ Books as Virtual Machine: A Speculative Approach".  Catarina Figueiredo Cardoso (org.), Portuguese Small Press 2013. Lisboa: Portuguese Small Press Yearbook, 31-41.