a carregar...

FLUC

Grupo de Investigação em Geografia da Saúde

Desigualdades em Saúde

A redução das desigualdades em saúde constitui hoje um dos maiores desafios da agenda política sendo, sem dúvida, uma prioridade da democracia para a geração de ganhos em saúde. As desigualdades em saúdes são assim observadas considerando a possibilidade de ficar doente, tendo em conta a distribuição desigual dos determinantes em saúde, por um lado, e o acesso aos cuidados de saúde, por outro lado, entendidos, deste modo, como fatores que podem gerar iniquidades em saúde.

Investigação

NACIONAL

2013 (desde): SMAILE - Saúde Mental - Avaliação do Impacte das condicionantes Locais e Económicas. Financiado pela Fundação Ciência e Tecnologia (PTDC/ATP-GEO/4101/2012)

2012 (desde):  GeoHealthS - Geografia do Estado de Saúde. Uma aplicação do Índice de Saúde da População nos últimos 20 anos. Financiado pela Fundação para a Ciência e Tecnologia (PTDC/CS-GEO/122566/2010)

2006: Iguais ou Diferentes: cuidados de saúde materno-infantil a uma população de imigrantes, em colaboração com o Serviço de Pediatria do Hospital Fernando Fonseca. Prémio BIAL de Medicina Clínica 2006.

Diferenças de género em cuidados de saúde. Uma perspetiva de género em cuidados de saúde. Que problemas?, em colaboração com a Escola Nacional de Saúde Pública (coordenação), Ministério da Saúde.

2005 a 2006: A saúde e a utilização dos serviços de saúde pelas crianças filhas de imigrantes. Estudo de caso no Hospital da Amadora/Sintra, em colaboração com o Serviço de Pediatria do Hospital da Amadora/Sintra.

INTERNACIONAL

2012 (desde): Representação de Portugal no projeto europeu Developing Methodologies to Reduce Inequalities in the Determinants of Health (DEMETRIQ), coordenado pelo professor Johan Mackenbach da Universidade de Erasmus MC, Roterdão. Financiado pela União Europeia.

2009 a 2012: Representação de Portugal no Projeto europeu Socioeconomic inequalities in mortality in smalll areas of European cities at the turne f the century (INEQ-Cities), coordenado pela Agència de Salud Pública de Barcelona. Financiado pela DG SANCO da União Europeia, Public Health Executive Agency, através do Programa Community action in the field of Public Health.

2008 - 2012: Representação de Portugal no projeto europeu EURO-GBD-SE Project, coordenado pela Universidade de Erasmus, Roterdão. Financiado  pela União Europeia.

2007 - 2010: Saúde Para Todos – Mudando o paradigma de prestação de cuidados de saúde em São Tomé e Príncipe, em colaboração com o Instituto Marquês de Valle Flôr (ONG). Menção Honrosa do Prémio Bial de Medicina Clínica 2008

2004 a 2007: Representação de Portugal no Projecto  internacional Tackling health inequalities in Europe: an integrated approach – EUROTHINE (grant agreement nº 2003125), coordenado pela Universidade de Erasmus, Roterdão, financiado pela União Europeia, coordenação em Portugal.

1999 a 2003: Representação de Portugal no projeto Social Variations and Health Expectancy in Europe. Programa Científico organizado pela European Science Foundation (ESF) e financiado pelo Instituto de Cooperação Científica e Tecnológica Internacional. Participou no Working Group III Macrosocial determinants of morbidity and mortality: Their contribution to the explanation of inequalities in health.

1999 a 2000: Representação de Portugal no grupo de trabalho Socio-economic differences in health in Europe, coordenado pelo Institut of Public Health North Rhine-Westphalia (loegd) e associado com a Faculdade Health Sciences at the University of Bieefeld, WHO Documentation Centre, Alemanha. Programa financiado pela União Europeia.

Principais Publicações

ARTIGOS EM REVISTAS INTERNACIONAIS COM REFEREE

2014: Miranda, M; Santana, P; Costa, C; Barroso, L (2014). Associação espacial entre variáveis socioeconómicas e nascimentos pré-termo na Região Metropolitana de São Paulo e Área Metropolitana de Lisboa. Saúde e Sociedade, 23(4), pp. 1142-1153. ISSN 0104-1290.

2012: Santana, P.; Santos, R. & Costa, C., “Overweight and Obesity. Places and people. A multilevel analysis in Lisbon Metropolitan Area“. European Journal of Epidemiology, 27(1), p.149- 150.

2012: Santana, P.; Freitas, P.; Zaky, A.; Vaz, E. & Costa, C., “How the Health for All Project is contributing to achieve a fair and healthy society in S. Tomé and Principe“, European Journal of Epidemiology, 27(1), p.82.

2012: Santana, P.; Costa, C.; Mari-dell’Olmo, M.; Palència, L.; Gotsens, M. & Borrell, C., “Socioeconomic inequalities and mortality: exploring possible relationships in the Lisbon Metropolitan Area“, European Journal of Epidemiology, 27(1), p.62.

2011: Costa, C.; Santana, P.; Freitas, P.; Almendra, R. & Loureiro, A., "The Construction of a Geographical Information System to Support Health Care Decisions: Measuring Access to Health Care in São Tomé e Principe". Revista GeoSIG 3 - Revista del Grupo de Estudios sobre Geografía y Análisis Espacial con Sistemas de Información Geográfica, Universidad Nacional de Luján.

2011: Couceiro, L.; Santana, P. & Nunes, C. (2011) “Pulmonary tuberculosis and risk factors in Portugal: a spatial analysis”, The International Journal of Tuberculosis and Lung Disease, Nov;15(11), p.1445-54.

2009: Williamson, L. M.; Rosato, M.; Teyhan, A.; Santana, P.; Harding, S. (2009) – “AIDS mortality in African migrants living in Portugal: evidence of large social inequalities”. Sexually Transmitted Infections 2009, doi:10.1136/sti.2008.034066, (p. 321–341).

2009: Borrell, C.; Espelt, A.; Rodriguez-Sanz, M.; Burstrom, B.; Muntaner, C.; Pasarin, I.; Benach, J. Marinacci, C.; Roskam, A.; Schaap, M.; Regidor, E.; Costa, G.; Santana, P.; Deboosere, P.; Kunst, A. & Navarro, V. (2009) – “Analyzing Differences in the Magnitude Of Socioeconomic Inequalities in Self-Perceived Health by Countries of different Political Tradition in Europe”. International Journal of Health Services, Volume 39, Number 2 (p. 321–341)

2008: Teyhan, A.; Harding, S.; Rosato, M. & Santana, P. (2008) "Cancer mortality in African migrants living in Portugal", European Journal of Public Health, Vol.18 (1): 5 (p. 45).

2008: Santana, P.; Harding, S.; Williamson, L.; Teyhan, A. & Rosato, M. (2008) " AIDS mortality in African migrants living in Portugal: evidence of large social inequalities", European Journal of Public Health, Vol.18 (1): 5 (p. 64).

 2008: Santos, R.; Santana, P. & Machado, M. (2008), "Effects of neighbourhoods deprivation on adverse birth outcomes in an urban area of Lisbon metropolitan area", European Journal of Public Health, Vol.18 (1): 5 (p. 134).

2008: Harding, S.; Teyhan, A.; Rosato, M. & Santana, P. (2008), “All cause and cardiovascular mortality in African migrants living in Portugal: evidence of large social inequalities”, European Journal of Cardiovascular Prevention and Rehabilitation, vol 15, nº 6 (p. 670-676).

2008: Mackenbach J..; Stirbu, I.; Roskam, A.; Schaap, M.; Menvielle, G.; Leinsalu, M.; Kunst, A. & Santana, P. (European Union Working Group on Socioeconomic Inequalities in Health) (2008), ”Socioeconomic inequalities in health in 22 European countries”, New England Journal of Medicine, 5,358(23).

2006: Harding, S.; Santana, P.; Cruickshank, JK & Boroujerdi, M. (2006), “Birthweights of Black African and White babies in Portugal”, Annals of Epidemiology, 16:7 (p. 572-579).

2006: Ferreira, P. & Santana, P. (2006), “Education level as a determinant for health”, Indian Geographical Journal 78 (1), Indian Geographical Society/ University of Madras (p. 5-12).

2005: Santana, P.; Vaz A & Fachada, M. (2005), “How can we conceptualize and measure the population health status: a case study of Portugal”, Indian Geographical Journal, 77: 2, Indian Geographical Society/ University of Madras, Índia (p. 125-136).

2005: Santana, P. & Nogueira H. (2005), “The geography of HIV/AIDS in Portugal”, Fennia, 182: 2, Finlândia (p.95-108).

 2004: Kunst, A.; Bos, V.; Andersen, A; Borgan J.-K.; Cardano, M.; Costa, G.; Harding, S.; Hemstrom, O.; Layte, R.; Regidor, E.; Reid, A.; Santana, P.; Valkonen, T. & Mackenbach, J. (2004), "Monitoring of trends in socioeconomic inequalities in mortality: experiences from a European project", Demographic Research. Article 9, 16 abril.

2002: Santana, P. (2002), “Poverty, social exclusion and Health”, Social Science and Medicine, 55 (p. 132-145).

2000: Santana, P. (2000), “Ageing in Portugal: regional iniquities in health and health care”, Social Science and Medicine, 50 (p. 1025-1036).

ARTIGOS EM REVISTAS NACIONAIS

2014: Santana. P.; Costa, C.; Loureiro, A.; Raposo, J.; Boavida, J.M. (2014, "Geografias da Diabetes Mellitus em Portugal: como as condições do contexto influenciam o risco de morrer", Acta Médica Portuguesa, Volume 27, nº3, pp.309-317

2011: Santana, P. (2011), Saúde e Qualidade de Vida em Meio Urbano, Indústria e Ambiente – Revista de Informação Técnica e Científica, 70 (p. 8-11).

2007: Machado, M.; Santana, P.; Carreiro, M.; Nogueira, H.; Barroso, M.; Dias, A. (2007) - “Cuidados de Saúde maternal e infantil a uma população de imigrantes”, Migrações - Revista do Observatório da Imigração, nº1, Setembro (p. 103- 127).

2006: Santana, P. e Nogueira, H. (2006) - “Velhos e Novos Problemas de Saúde. HIV/SIDA e Tuberculose Pulmonar em Territórios de Descontinuidade”, Cadernos de Geografia, nº 21/23 (p.295-306).

2005: Santana, P.; Nogueira, H. (2005) - “AIDS/HIV mortality in Portugal in 90’s”, Revista Portuguesa de Saúde Pública, 23: 1, ENSP, Universidade Nova de Lisboa, (p. 57-68).

2004: Santana, P. (2004) - “O estado de saúde dos portugueses. Uma perspectiva espacial”, Revista de Estudos de Estudos Demográficos, nº 32, Instituto Nacional de Estatística, INE, Portugal, (p. 5-28).

2003: Nogueira, H.; Santana, P. (2003) - “A Geografia do Risco de morrer em Portugal por tumores malignos”, Cadernos de Geografia, nº Especial, Coimbra, IEG-FLUC (p. 37-50).

2003: Santana, P. (2003) - “Pobreza e exclusão social” (coordenação de Mesa Redonda), Cadernos de Geografia, nº Especial, Coimbra, IEG-FLUC (p. 175-195).

2002: Santana, P. (2002) - “Mortalidade “evitável” em Portugal Continental, 1989 a 1993, Revista de Estudos Demográficos, nº 32, INE, Lisboa (p. 107-145).

2001: Santana, P.; Martins, O., (2001) - “O Estado de Saúde da População da Região Centro. Resultados de uma análise multiatributiva”, Cadernos de Geografia (Número Especial - Actas do II Colóquio de Geografia de Coimbra), Coimbra, FLUC (p. 11-27)

2001: Santana, P. ; Nogueira, H.; Ribeiro, O (2001) “A geografia do SIDA em Portugal”, Cadernos de Geografia, 20 (p. 15-28)

2001: Santana, P.; Nogueira, H. (2001) - “Esperança de Vida em Portugal”, Cadernos de Geografia, 20 (p. 3-13).

2000: Santana, P. (2000) - “Contribuição da Geografia da Saúde para o conhecimento das desigualdades em saúde e bem-estar no Mundo”, Cadernos de Geografia, nº 19, Coimbra, FLUC.

LIVROS

2008. Freitas, P.; Santana, P.; Zaky, A.; Vaz, A.; Neves, E; e Lima, A. Saúde Para Todos” Mudando o paradigma de prestação dos Cuidados de Saúde em São Tomé e Príncipe. Menção Honrosa do Prémio Bial de Medicina Clínica 2008. Instituto Marquês de Valle Flôr, Instituto Português de Apoio ao Desenvolvimento e Fundação Calouste Gulbenkian, Lisboa (pp.190).

2007: Santana, P. (2007) – A Cidade e a Saúde (Coord.), Coimbra, Almedina (pp. 254).

2007: Machado, M.; Santana, P.; Carreiro, M.; Nogueira, H.; Barroso, M.; Dias, A. (2007) Iguais ou Diferentes? Cuidados de Saúde materno-infantil a uma população de imigrantes, Prémio Bial de Medicina Clínica 2006, EIGAL, S.A. (pp. 211).

2007: Machado, M.; Santana, P.; Carreiro, M.; Nogueira, H.; Barroso, M.; Dias, A. (2007) Maternal and Childhood Healthcare in Immigrant Population – Are they treated differently?, Bial Prize 2006, EIGAL, S.A. (pp. 197).

2005: Santana, P. (2005) Geografias da Saúde e do Desenvolvimento. Evolução e Tendências em Portugal. Ed. Almedina, Coimbra (pp. 342)

2004: Santana, P. (2004) Saúde, Território e Sociedade. Contributo para uma Geografia da Saúde, Colecção Textos Pedagógicos e Didácticos, Faculdade de Letras, Universidade de Coimbra (pp. 188).

2000: Socio-economic Differences in Health Indicators in Europe (em colaboração com o EU working Group on Socio-economic Inequalities in Health (2000), coordenação de Ralph Menke, Waldemar Streich e Gabriele Rossler, Institute of Public Health, Westerfeldstr. 35-37, Bielefeld, Alemanha (pp.115).

CAPÍTULOS DE LIVROS

2012: Borrell, C., Palència, L., Pons-Vigués, M., Marí Dell’Olmo, M., Gotsens, M., Morrison, J., Díez, E. and the INEQCITIES group. European Review of Social Determinants of Health. Interim Second Report on Social Determinants of Health and the Health Divide in the European Region. WHO Report led by Professor Sir Michael Marmot.

2010: Santana, P. Os Ganhos em Saúde e no Acesso aos Serviços de Saúde", in: Simões, J. (coord.), Trinta anos do Serviço Nacional de Saúde. Um percurso comentado. Edição Gulbenkian/APES (p. 21 – 81)

2008: Santana, P.; Nogueira, H. (2008), “Environment and Health: Place, sense of place and weight gain in urban areas”, in: Place, sense of place and quality of life, John Eyles and Williams (eds.) (p. 153-165).

2008: Santana, P.; Nogueira H. (2008), “Mortalidade “evitável”. Avaliação das necessidades em saúde e acesso aos cuidados de saúde em Portugal. Problema na Grande Lisboa. In: Christovam Barcellos (org.) A Geografia e o Contexto dos Problemas de Saúde. Ed. ABRASCO, Rio de Janeiro. (p.299-319) ISBN 978 85 61732 00 4.

2007: Koivusalo, M.; Wyss, K.; Santana, P. (2007), “Effects of decentralization and recentralization on equity dimensions of health systems, ch. Eleven, Decentralization in Health Care; editado por Richard Saltamn, Vaida Bankauskaite, and Karsten Varngbaek, European Observatory on Health Care Systems (WHO) (p. 189-205).

2005: Nogueira, H.; Santana, P.. 2005. Geographies of Health and Deprivation: Relationship between Them, in: C. Palagiano & G. De Santis (Eds.), “Geografia dell’Alimentazione, 539 - 546. ISBN: 88-86997-07-8. Perugia: Edizioni Rux.

2006: Harding, S.; Boroujerdi, M.; Santana, P. e Cruickshank (2006), “Decline in and lack of difference between, average birth weights among African and Portuguese babies in Portugal”, International Journal of Epidemiology, Vol. 35, N.º2. Oxford: Oxford University Press (p. 270-276).

1999: Santana, P. (1999) “A geografia das desigualdades regionais em saúde e estado de saúde”, in: Pita Barros, P.; Simões, Jorge (org.) Desigualdades em Saúde, Associação Portuguesa de Economia da Saúde, Principia, Lisboa (p.179-205).

1996: Santana, P. (1996) “As condições de acesso ao sistema de saúde”, in: Que sistema de saúde para o futuro? Organização dos hospitais na sua relação com a sociedade., LAHGSA, Público (p.104-112).

OUTROS

2013: Santana, P., Freitas, Â., Costa, C., Vaz, A., Mateus, C., O Índice de Saúde Populacional como instrumento de planeamento e elaboração de políticas. 1st International Meeting – Geography & Politics, Policies and Planning, Porto, ISBN:978-989-8648-03-7

2011: Santana, P.; Rodrigues, A.; Santos, R.; Costa, C., Loureiro, A., Equity in Healthcare Accessibility. A purpose of Urbanity; 7th Virtual Cities and Territories, Lisboa, 11-13 de Outubro

2009: Costa, C.; Santana, P.; Almendra, R.; Freitas, P., Zaky, A., And when there is no information? The case of São Tomé and Principe. II International Conference on Sustainability Measurament and Modelling; Terrassa, Espanha