Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização. Ao navegar aceita a política de cookies.
OK, ACEITO
Atualidade

Professor Duarte Nuno Vieira homenageado pelo Instituto de Medicina Legal Óscar Freire da Universidade de São Paulo

“Pela orientação e visão académica” que ajudaram a evitar o encerramento do Instituto de Medicina Legal Óscar Freire da Universidade de São Paulo, o diretor da Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra (FMUC), Professor Duarte Nuno Vieira, foi alvo de uma homenagem por parte da instituição brasileira.

Duarte Nuno Vieira

[Foto: Duarte Nuno Vieira e Daniel Muñoz]

A distinção, decidida unanimemente pelos elementos do Departamento de Medicina Legal, Ética Médica e Medicina Social e do Trabalho da Universidade de São Paulo, (Brasil) deveu-se à contribuição de Duarte Nuno Vieira para a manutenção em funcionamento do Instituto de Medicina Legal Óscar Freire.

Depois de, em 2010, a Universidade de São Paulo ter decidido encerrar o Instituto Óscar Freire face à sua escassa produtividade científica (que não estava em consonância com os padrões da instituição de ensino superior, classificada como uma das 100 melhores do mundo), foi dado ao organismo um prazo de três anos para que tentasse alterar a situação. Duarte Nuno Vieira, à época presidente da Academia Internacional de Medicina Legal, da Associação Internacional de Ciências Forenses e do Conselho Europeu de Medicina Legal, foi então convidado a realizar uma auditoria externa que apontasse as recomendações necessárias ao aumento da produção científica da instituição. E, seguindo escrupulosamente as recomendações elaboradas pelo catedrático da Universidade de Coimbra, o Instituto Óscar Freire conseguiu que fosse anulada a decisão do seu encerramento, atingindo mesmo, em 2016, o Top 10 das instituições médico-legais com mais produtividade científica e tornando-se uma das referências da Universidade de São Paulo.

Assim, o Departamento de Medicina Legal, Ética Médica e Medicina Social e do Trabalho da Universidade de São Paulo decidiu distinguir Duarte Nuno Vieira por esse contributo. No passado dia 20, foi-lhe entregue, em Coimbra, pelo professor Daniel Muñoz (diretor do Departamento de Medicina Legal, Ética Médica e Medicina Social e do Trabalho da Universidade de São Paulo) uma placa que expressa essa homenagem e o reconhecimento "pela orientação e visão académica". "É um privilégio tê-lo como parte da nossa história" refere, ainda, a distinção.


[UC - Rui Marques Simões]