a carregar...

FPCEUC

Instituto de Psicologia Cognitiva, Desenvolvimento Humano e Social

Psicologia Cognitiva e Social Aplicadas

  

Investigador principal

Armando Luís Mónica de Oliveira

  

Objectivos principais

Este Grupo de Investigação propõe-se estabelecer a ponte entre paradigmas clássicos da psicologia Cognitiva e Social e a resolução de problemas emergentes em contextos aplicados. Alia a um ponto de vista próximo da chamada "engenharia cognitiva", polarizado pelo estudo analítico da percepção, atenção, imaginaria, memória, juízo e tomada de decisão, um interesse pelos processos interpessoais, grupais e inter-grupais na óptica da Psicologia Social Aplicada.

A investigação assenta predominantemente em metodologias quantitativas associadas à medida psicológica (e.g., escalonamento psicológico, teoria da detecção de sinal, medida funcional), análise operacional e análise estatística avançadas (e.g., análise multi-atributo, análise conjunta, tipos diversos de análise multivariada) e paradigmas clássicos da Psicologia Experimental. As actividades do Grupo podem desenvolver-se em qualquer das áreas aplicadas da Psicologia (e.g., saúde, trabalho, educação) e mesmo em articulação com outros quadros disciplinares (e.g., Medicina, Arquitectura, Enfermagem, Economia, Motricidade Humana, Engenharia).

Entre os tópicos de investigação abordados contam-se os seguintes: imaginaria motora em populações deficientes; processos afectivos e sensoriais em idosos; psicofísica da dor e da emoção; psicofisiologia das emoções; percepção e comunicação do risco; cognição facial; modelação cognitiva da actividade diagnóstica; percepção da causalidade e representações dinâmicas; sexualidade humana (atracção interpessoal, teorias implícitas e scripts de sedução). 

Linhas de trabalho mais recentes incluem a psico-acústica ambiental, o estudo de heurísticas e processos de decisão em contexto clínico e o desenvolvimento de sistemas de monitorização baseados no comportamento facial.