a carregar...

FPCEUC

Estudantes

Candidaturas à Mobilidade

Contactos: ri-fpce@fpce.uc.pt

Os alunos da FPCEUC podem fazer um período de 12 meses de mobilidade/ciclo  numa universidade parceira (estudos e estágio, incluindo estágio nos 12 meses após a graduação) .

O processo completo implica uma pré inscrição obrigatória (etapa A) e uma candidatura posterior (etapa B).

CONSULTE O SITE da DRI


O procedimento é feito online e tem as seguintes etapas

A) Pré-Candidatura


B) CANDIDATURA - Depois de conhecida o resultado da lista de seriação.


Há procedimentos obrigatórios a nível de conhecimentos de língua que tem de cumprir

Há ainda a possibilidade de seguir cursos de língua on line. O acesso a esta plataforma é gerido pela DRI.

Consulte ERASMUS + OLS (Online Linguistic Support).

Pode ir treinando algumas línguas desde já! Veja como em E-LOCAL: Electronically Learning Other Cultures and Languages



TENHA EM ATENÇÃO:

- É da responsabilidade do aluno tratar de questões como alojamento e outras.

- Se pretender prolongar o seu período de estudos na universidade parceira, esse tempo poderá não ser financiado.

- Se regressar antes de terminar o prazo de mobilidade, terá restituir parte ou a totalidade da bolsa (conforme o caso).

- Se não tiver qualquer aproveitamento académico previsto na universidade parceira, deverá restituir a totalidade da bolsa que receber.

- É da responsabilidade do aluno regularizar a inscrição e o pagamento de propinas na UC, no ano letivo em que realiza a mobilidade.

- Consulte a página da UC para ver informações sobre prazos e sobre a inscrição em Época Especial (o Estatuto de Mobilidade só pode ser usado para realizar, em Época Especial, 2 disciplinas que sejam de reinscrição).


Pedido de divulgação da DRI (alteração de legislação acerca de bolseiros): "A partir de agora as dívidas dos pais ao fisco ou à Segurança Social não impedem os estudantes de concorrer. Quem não o fez por motivo de dívida, tem 30 dias corridos para o fazer."

Terminadas as etapas da candidatura, prepare a sua partida.

TOME NOTA:

ANTES DE PARTIR
À CHEGADA À UNIVERSIDADE DE ACOLHIMENTO
DE REGRESSO À UNIVERSIDADE DE COIMBRA

INFORMAÇÕES ADICIONAIS

BOLSAS ERASMUS ( in Guia de Candidatura - DRI)

"O facto de o estudante ser aceite para efectuar um período de mobilidade não significa que lhe seja atribuída uma bolsa. As bolsas de mobilidade não são garantidas. Caso venham a ser concedidas, estas só serão pagas após estarem reunidas as condições financeiras para tal.

Prolongamentos do período de mobilidade não serão financiados.

Os/As estudantes que tenham recebido uma bolsa de Mobilidade mas que não cumpram o período de mobilidade estipulado terão de devolver a bolsa correspondente a esse período.

Os/As estudantes que tenham recebido uma bolsa de Mobilidade, mas que não obtenham aproveitamento curricular durante o período de mobilidade estipulado, terão de devolver, de imediato, a totalidade da bolsa.

Os estudantes bolseiros dos SASUC e a quem tenha sido atribuída uma bolsa de mobilidade Erasmus poderão receber, através desse serviço, um Suplemento de bolsa Erasmus. Cabe à DRI enviar aos SASUC a informação dos estudantes que se encontram em mobilidade. No entanto, este facto não dispensa que o estudante questione os SASUC em relação ao seu suplemento de bolsa.

OUTRAS BOLSAS ( in Guia de Candidatura - DRI)

Para as Outras Mobilidades não existe financiamento. No caso do Brasil e países da América Latina, os/as estudantes podem concorrer às Bolsas do Banco Santander, cujo concurso é anunciado anualmente na página da DRI.

No caso dos Programas MAUI, AEN e RAERI, não existe financiamento. Caso a Universidade de Coimbra entenda financiar estas mobilidades, os/as estudantes serão alvo de uma seriação para a atribuição das eventuais bolsas disponíveis.

Aconselhamos os/as estudantes a procurar na Internet concursos de atribuição de bolsas para esses destinos."