a carregar...

CEIS20

Mediapolis

Número 7


English version



TEMA: Media, comunicação e género

Coordenadores: Rita Basílio de Simões e Rosa Maria Sobreira

De entre a diversidade de discursos dissonantes hoje veiculados pelos media, é comum ler-se ou ouvir-se falar de como a condição das mulheres sofreu progressos consideráveis, dentro e fora da esfera privada, ao mesmo tempo que o imaginário mediático povoa o espaço público de imagens que sexualizam intensamente as mulheres. Dados acerca da enérgica feminização de um extenso rol de profissões, incluindo das profissões dos media e da comunicação, convivem com evidências das desigualdades salariais entre homens e mulheres, dos desequilíbrios no acesso a posições de poder e de liderança nas organizações e da conciliação com a vida familiar. Casos de assédio e de violência sexual granjeiam facilmente uma visibilidade sem precedentes por via da internet e das redes sociais que, simultaneamente, normalizam a objetificação das mulheres através de representações importadas da pornografia e padrões de atratividade que servem diferentes indústrias. Comuns são também os discursos que, ao galvanizarem a ideia de escolha pessoal e de autodeterminação, reprivatizam questões de ordem pública, resgatadas ao longo do tempo da esfera pessoal e íntima para que o pessoal pudesse ser político. Frequentes são ainda as visões contraditórias do feminismo, ora dado como garantido, ora desconsiderado. O que esta paisagem desarmónica suscita é a premência de uma investigação de matriz feminista, que permita problematizar, a partir de uma perspetiva de género, não apenas a produção, o consumo e as representações veiculadas pelos media, como, também, pela comunicação organizacional, pelas relações públicas ou pela publicidade no atual ecossistema mediático. Este é o desafio que a edição número 7 da Mediapolis pretende lançar, criando um espaço de discussão sobre Media, comunicação e género, preferencialmente alimentado por investigações empíricas originais, que questione o género e as suas intersecções com outras particularidades identitárias e linhas de investigação que a diversidade das múltiplas profissões da comunicação permite, ao mesmo tempo que auxilie o conhecimento e a compreensão do espaço público comunicacional lusófono. Aceitamos contributos em vários domínios da relação media-comunicação-género, incluindo:

1) Género, produção e consumos;

2) Género e representações mediáticas;

3) Género e sexualidades;

4) Ciberespaço, redes sociais e ativismo;

5) Diferenças de género e profissão;

6) Género, cultura e identidade profissional

7) Media e violência de género;

8) Sexualização, comércio e género;

9) Género e audiências ativas.

Os artigos deverão ser enviados até ao dia 15 de janeiro de 2018 para o endereço rev.mediapolis@gmail.com, indicando no assunto: Call Mediapolis. Deverão seguir as normas de publicação, que podem ser consultadas no seguinte link.

CALENDÁRIO
Receção de artigos Até 15 de janeiro de 2018
Avaliação dos artigos De 16 de janeiro a 15 de maio de 2018
Comunicação dos resultados De 16 a 30 de maio de 2018
Publicação Dezembro de 2018