a carregar...

UC.PT

Imprensa da Universidade

Carlos Costa

Nasceu no Porto em 1969. É Mestre em Texto Dramático pela Universidade do Porto e Doutor em Estudos Teatrais e Performativos pela Universidade de Coimbra.

Ana Vitorino e Carlos Costa são Diretores Artísticos do Visões Úteis, coletivo de que foram fundadores em 1994, no Porto. O seu trabalho divide-se entre a escrita, a encenação e a interpretação, tanto de espetáculos de teatro como de projetos na área da performance na paisagem. Contam já com uma dezena de títulos publicados, pela Quasi Edições e na coleção “Cadernos Visões Úteis”.
Ao longo dos anos, partilharam a direção de criações assentes em metodologias de trabalho colaborativas, que convocam uma especial participação de toda a equipa artística, fazendo crescer um projeto estético em plena sintonia com uma forte motivação ética - poderemos mesmo dizer política - numa constante reflexão acerca do sentido contemporâneo de fazer arte - e em particular artes performativas - que quotidianamente marca as opções de trabalho e agudiza a consciência da responsabilidade social e política para com as comunidades envolventes.
O seu trabalho - que tem sido apresentado em todo o país e também em Espanha, França, Itália e Grécia - procura ainda integrar os processos criativos contemporâneos como fator de inclusão, solidariedade, desenvolvimento sustentado, participação política e qualidade de vida, nomeadamente através de programas de Serviço Educativo, Artistas Associados, Teatro Aplicado, Performance em Comunidade, Documentação, Parcerias de Aprendizagem e Trabalho em Rede.

Obras editadas pela IUC:

Biodegradáveis. Ficheiros secretos