a carregar...

UC.PT

Imprensa da Universidade

Baluartes da fé e da disciplina: o enlace entre a Inquisição e os bispos em Portugal (1536-1750)

Baluartes da Fé e da Disciplina

Autor: José Pedro Paiva
Língua: Português
ISBN: 978-989-26-0090-1
ISBN Digital: 978-989-26-0217-2
DOI: http://dx.doi.org/10.14195/978-989-26-0217-2
Editora: Imprensa da Universidade de Coimbra
Edição: 1.ª
Data: Fevereiro 2011
Preço: 21,20 €
Dimensões: 240 mm x 170 mm
N.º Páginas: 480

Sinopse:

Entre o corpo das instituições e agentes que formavam a Igreja em Portugal surgiu uma novidade em 1536: a criação do Tribunal do Santo Ofício da Inquisição, promulgada pelo papa Paulo III, em 23 de Maio. O seu nascimento originou uma situação inédita, porquanto passou a existir um novo órgão e novos protagonistas (os inquisidores), impondo a necessidade de uma reorganização dos equilíbrios de poder, da jurisdição e dos agentes do campo religioso preexistentes. O objetivo deste livro é o de compor, explicar e pensar os sentidos das relações que se estabeleceram entre a Inquisição e os bispos, no contexto dos desafios suscitados por esta alteração. Tanto mais que este processo se desencadeou num tempo internamente marcado pelos problemas decorrentes da necessidade de integração na vida do país de uma numerosa comunidade de origem judaica, os chamados cristãos-novos, e quando Portugal enfrentava o gigantesco desafio de evangelizar vários e profundamente distintos povos nos múltiplos e descontínuos espaços do seu pluriterritorial império. Externamente, foi um período de profundas transformações da vida religiosa, de convulsões, de profundas e duradouras reformas na Igreja católica, na sequência do abalo causado pela afirmação do protestantismo, tudo fatores a ponderar para analisar o problema de fundo dissecado neste livro: como se caracterizaram as relações da Inquisição com o episcopado português?

Sumário - PDF

carrinho3