a carregar...

UC.PT

Imprensa da Universidade

Concelhos e a organização municipal na época moderna (miunças 1)

Concelhos

Autor: Joaquim Romero Magalhães
Língua: Português
ISBN: 978-989-26-0096-3
ISBN Digital: 978-989-26-0223-3
DOI: http://dx.doi.org/10.14195/978-989-26-0223-3
Editora: Imprensa da Universidade de Coimbra
Edição: 1.ª
Data: Março 2011
Preço: 10,60 €
Dimensões: 240 mm x 170 mm
N.º Páginas: 255

Sinopse:

A vida municipal portuguesa tem uma enorme pujança e exerce uma notável presença e atuação em todo o território do Reino e do Império no exercício da administração local e da justiça. A realeza instala-se no absolutismo, mas nem por isso as câmaras deixam de desempenhar um papel fulcral no ordenamento económico, social e político. Vigora um como que neo-municipalismo, em que as oligarquias concelhias – a “gente nobre da governança” – dominam um espaço de mando que lhes permite ser parceiros indispensáveis da governação régia. Nas câmaras eram delegados poderes fiscais, militares e sanitários. Nas Ilhas do Atlântico e depois da Índia a Macau, em África ou no Brasil os concelhos foram essenciais para assegurar a administração e o exercício da justiça. O mesmo ocorre nos territórios da Coroa de Castela, que é indispensável conhecer para comparar com o que ocorre nos domínios portugueses da América. Macau destaca-se como uma república de mercadores portugueses nas partes da China enquadrada pela câmara. No Brasil haverá especial atenção ao exercício da justiça.

Sumário -PDF

carrinho3