a carregar...

UC.PT

Semana Cultural

Semana 7 | 17 a 23 de abril

18 TER19 QUA20 QUI | 21 SEX | 22 SÁB

18 abr | TER

18h00 | Casa da Lusofonia. Rua do Arco da Traição, 3

EM TRÂNSITO: SER FEMINISTA ENTRE COIMBRA E O BRASIL

“Em trânsito: ser feminista entre Coimbra e o Brasil”: “Roda de histórias: xenofobia, homofobia, sexismo e acolhimento”. Catarina Martins e Clara Keating (EF / UC). Dayana Azevedo e Cristina Saladrigas (Consulado do Brasil), Luciana Moreira (não te prives) e Carolina Moreira (UMAR).

ORGANIZAÇÃO:

Doutoramento em Estudos Feministas (FLUC / CES). Colaboração: APEB.

https://www.facebook.com/Estudos-Feministas-UC-111555802516139/

https://www.facebook.com/apebcoimbra/?fref=ts

21h30 | TAGV

ESTADO DO SITIO

De Leonor Barata e Jorge Loureiro

SINOPSE / APRESENTAÇÂO

As palavras do passado e da nossa memória coletiva entram em cena para comentar a atualidade. Serão o auxilio de três intérpretes para comentarem em direto o telejornal. Para o fazer convocam as pequenas estórias da sua vida quotidiana cruzando-as com a grande história. E neste caminho desafiamos o público a refletir sobre si próprio e sobre o seu papel no mundo e nesta Europa que por vezes nos escapa. – Quis Saber quem sou, o que faço aqui?

Ficha Técnica

Criação e Interpretação – Jorge Loureiro e Leonor Barata

Produção - Projecto D -

 19 abr | QUA

14h00 | Museu da Ciência da UC, Largo Marquês de Pombal

CICLO DE CONVERSAS DESIGN+MULTIMÉDIA

Ciclo anual de palestras conduzidas por diferentes profissionais cujo trabalho é amplamente reconhecido nas áreas do Design e afins, realizado no âmbito dos cursos de Licenciatura e Mestrado em Design e Multimédia da FCTUC – Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra. Tal como nas nove edições anteriores, a décima edição das "Conversas” consistirá em quatro sessões que terão lugar no anfiteatro do Museu da Ciência em Coimbra. As conferências são abertas ao público e de entrada livre. Também dias 26 de Abril e 3 de maio.

ORGANIZAÇÃO: DEI – Departamento de Engenharia Informática e DARQ – Departamento de Arquitetura da FCTUC

20 abr | QUI

20 e 21 de abril | Faculdade de Letras

COLÓQUIO INTERNACIONAL: “O QUE SOMOS SENÃO HISTÓRIAS DE VIDA?”

Ante a pergunta “quem somos”, a célebre filósofa Hannah Arendt respondia referindo-se às histórias que contamos. Ricoeur percebeu-o bem e soube mostrar a que ponto o acesso mais autêntico que temos ao tempo humano é a narrativa (histórica e de ficção), entendida como mimesis das ações humanas, na linha da sua reinterpretação da Poética de Aristóteles e da célebre tríade muthos-mimesis-catharsis. Neste sentido, se organiza este colóquio jornada internacional de estudos com âmbito pluridisciplinar (estudos clássicos, estudos literários, estudos filosóficos), vocação transversal e âmbito internacional organizada ao longo de três eixos de investigação: a) Identidade e corpo; b) Identidade e texto; c) Identidade e instituições. 

O público-alvo será um amplo leque de: docentes universitários e não-universitários, investigadores, investigadores em formação, alunos dos 1º, 2º,3º ciclo e pessoas com formação académica e motivação para participarem como público inscrito.

ORGANIZAÇÃO:

UI&D CECH; Universidade de Compostela; SIFA; Universidade de Edimburgo; Associação Portuguesa de Estudos Clássicos.

www.uc.pt/fluc/cech

15h00 | FMUC POLO III

A IDENTIDADE HERDADA E A IDENTIDADE ADQUIRIDA. DA GENÉTICA À IMUNOLOGIA

Seminário Interativo Aberto

A identidade no campo das ciências da saúde pode alicerçar-se na herança genética e ser enriquecida pela capacidade de adaptação. Quem somos traduz a mais valia dos interfaces adaptativos, especialmente em relação ao ambiente (como o imunológico) que complementa o património genético.

Conferencistas: Manuel Santos Rosa e Fernando Regateiro

ORGANIZAÇÃO:

Faculdade de Medicina da UC

16h00 | BCSUC | Pólo das Ciências da Saúde

A IDENTIDADE HERDADA E A IDENTIDADE ADQUIRIDA: O LIVRO COMO HERDEIRO DE PATRIMÓNIOS E PRODUTOR DE HERANÇAS

Vídeo e mostra documental: do incunábulo ao livro digital. O incunábulo como recetor e produtor de heranças. Das teorias de Avicena à genética e imunologia atuais. Intervenientes: Manuel Santos Rosa, Rui Barbosa, Teresa Alcobia, Sandra Lima.

Repete a 21 de abril às 10h00 e às 16h00

ORGANIZAÇÃO: Biblioteca das Ciências da Saúde da Universidade de Coimbra (BCSUC)

16h00 | Galeria de História Natural, Museu da Ciência da Universidade de Coimbra 

AO ENCONTRO DE ÁFRICA - A identidade de Moçambique através da sua biodiversidade (Exposição e ciclo de conversas e oficinas)

Esta exposição convida o público a visitar Moçambique, a deslumbrar-se com a forma como as populações usaram a biodiversidade local na construção da sua identidade e a refletir sobre o futuro dos recursos naturais.

Até 30 de dezembro de 2017.

ORGANIZAÇÃO:

CES - Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra

CIBIO/InBIO - Centro de Investigação em Biodiversidade e Recursos Genéticos/Rede de Investigação em Biodiversidade e Biologia Evolutiva

Museu da Ciência da Universidade de Coimbra

18h15 | Café do Teatro Académico de Gil Vicente

A UNIVERSIDADE DE COIMBRA NO CAMINHO PARA A CONTEMPORANEIDADE: CONVERSAS EM TORNO DA SOCIEDADE, EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E CIDADE

A reforma pombalina da Universidade de Coimbra é o ponto de partida para uma reflexão

aberta sobre os processos de transformação que ocorreram na Sociedade, na Educação, na

Ciência e na Cidade, desde o iluminismo à contemporaneidade.

SESSÃO 3 – Universidade e Ciência; investigação e produção científica

MODERADOR:

Fernando B. Figueiredo (CITEUC, DM, UC)

PARTICIPANTES:

João Caramalho Domingues (CMAT, DM, UM), A reforma pombalina da Universidade

de Coimbra e a introdução do cálculo infinitesimal

Vítor Bonifácio (CIDTFF, DF, UA), Da Astronomia à Astrofísica em Portugal

Luís Pereira de Almeida (CNC, FF, UC), Ensino e investigação das neurociências na

Universidade de Coimbra, no século XXI

ORGANIZAÇÃO:

Departamento de Matemática (DM, UC)

Departamento de Arquitetura (DARQ, UC)

Centro de Estudos Sociais (CES)

21 abr | SEX

18h00 | Tipografia Damasceno

CLUBE MEDITERRÂNEO – DOZE FOTOGRAMAS E UMA DEVORAÇÃO

Livro onde a tipografia se cruza com a ilustração, tendo como ponto de partida um texto inédito de João Pedro Mésseder. "Clube Mediterrâneo – doze fotogramas e uma devoração" são pequenos poemas sobre o drama da humanidade (homens e mulheres, nossos semelhantes) que fogem da guerra, da destruição e da morte, arriscando a vida nesse ímpeto da fuga. Uma tentativa de compreender o mundo em que vivemos, o tempo que habitamos.

21h30 | FPCE UC

EXISTÊNCIAS

‘Todos podemos ao longo de uma vida, conhecer várias existências. Eventualmente desistências. Aliás o mais habitual. Poucos, contudo, têm a possibilidade de vestir uma outra pele.’ (José Eduardo Agualusa in Teoria geral do esquecimento; 2012)

O objetivo deste projecto é a construção de um espetáculo que abre a possibilidade a atores e espectadores vestirem outras peles, outros papéis, outras existências.

[repete a 22 de abril]

ORGANIZAÇÃO:

InterDito Grupo de Expressão Dramática da Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade de Coimbra

www.facebook.com/interdito

22 abr | SÁB

11h00 | Tipografia Damasceno

OFICINA DE ILUSTRAÇÃO TIPOGRÁFICA

A oficina tem como finalidade dar a conhecer aos participantes a técnica da tipografia tradicional. A partir da ideia de “liberdade”, vamos construir imagens com tipos móveis e outros caracteres tipográficos de chumbo.

Com: Ana Biscaia, Joana Monteiro, Rui Damasceno 

Preço: 30 euros Horário: 11h-18h 

Inscrições: joana.monteiro@gmail.com

Número de participantes: 9 

ORGANIZAÇÃO: Joana Monteiro (Clube dos Tipos / Editora dos Tipos) Ana Biscaia (Xerefé) | Flagrantetitulo | Tipografia Damasceno

11h00 | Casa da Cultura

DES(A)FIAR A VIOLÊNCIA SEXUAL II

Partindo da pergunta “Quem Somos?”, pretendemos dar seguimento à criação e partilha de boas práticas para o combate à violência sexual, aprofundando as questões identitárias através do cruzamento das múltiplas categorias que intervêm nos processos de construção identitária de mulheres e pessoas trans.

ORGANIZAÇÃO: UMAR Coimbra

Página Facebook Des(a)fiar a Violência Sexual

Página Facebook do Núcleo UMAR Coimbra:

https://www.facebook.com/umar.coimbra?fref=ts

Site da UMAR: http://www.umarfeminismos.org

21h30 | FPCE UC

EXISTÊNCIAS

‘Todos podemos ao longo de uma vida, conhecer várias existências. Eventualmente desistências. Aliás o mais habitual. Poucos, contudo, têm a possibilidade de vestir uma outra pele.’ (José Eduardo Agualusa in Teoria geral do esquecimento; 2012)

O objetivo deste projecto é a construção de um espetáculo que abre a possibilidade a atores e espectadores vestirem outras peles, outros papéis, outras existências.

ORGANIZAÇÃO:

InterDito Grupo de Expressão Dramática da Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade de Coimbra

www.facebook.com/interdito