Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização. Ao navegar aceita a política de cookies.
OK, ACEITO

UC Global | n.º 134

24 de janeiro de 2019

Gonçalo Quadros é o vencedor do Prémio Universidade de Coimbra 2019! O anúncio foi feito hoje pelo reitor da UC, João Gabriel Silva. Co-fundador e diretor executivo (CEO) da Critical Software, Gonçalo Quadros é licenciado em Engenharia Eletrotécnica e doutorado em Engenharia Informática pela Universidade de Coimbra e autor de várias dezenas de artigos de investigação na área de computação e redes de comunicação. O prémio vai ser entregue a 1 de março, na sessão solene comemorativa do 729.º aniversário da UC.

Cientistas do Centro de Neurociências e Biologia Celular da Universidade de Coimbra e do Instituto de Investigação e Inovação em Saúde (i3S/IBMC) da Universidade do Porto identificaram novos alvos para o combate a micobactérias atípicas responsáveis por infeções pulmonares graves, entre outras. A descoberta, publicada este mês na conceituada revista científica Proceedings of the National Academy of Sciences of the USA, revela detalhes da biogénese de polissacáridos raros envolvidos na construção da parede destas bactérias ambientais, muito comuns em redes de distribuição de água.

A Universidade de Coimbra vai acolher uma das eliminatórias da edição de 2019 do FameLab, um concurso internacional de comunicação de ciência no qual os participantes têm três minutos para demonstrar a sua capacidade de comunicar um tema científico à escolha. O Rómulo – Centro Ciência Viva da Universidade de Coimbra é o palco escolhido para a passagem em Coimbra, no dia 20 de fevereiro, às 14h30. As inscrições para esta eliminatória estão abertas até ao dia 9 de fevereiro!

Estão também abertas as candidaturas ao Prémio Ecotrophelia – edição 2019. O prémio, organizado pela Portugal Foods, tem como objetivo promover o desenvolvimento de um produto alimentar inovador e sustentável (alimento ou bebida). Em edições passadas, equipas da UC viram os produtos reconhecidos em lugares do pódio. As inscrições decorrem até 3 de abril.

No próximo dia 30 de janeiro, pelas 16h00, a Sala do Senado recebe o lançamento de mais uma edição do Programa Explorer. O programa, que promove o talento e o espírito empreendedor, é dirigido a jovens com idades compreendidas entre os 18 e os 31 anos. Os selecionados vão ter apoio, formação e assessoria destinados a facilitar o desenvolvimento de um projeto de negócio.

De 13 a 21 de fevereiro, os SASUC promovem nova edição da UC Skills, uma formação gratuita dirigida a estudantes da UC que visa desenvolver competências psicopedagógicas e de comunicação para melhorar o desempenho no estudo e o desempenho académico.

 E ainda

Amanhã, às 21h30, realiza-se no Rómulo - Centro Ciência Viva da Universidade de Coimbra, a palestra "Por que acreditamos em Átomos?", com José António Paixão do Departamento de Física da FCTUC. A sessão insere-se no Projecto Quark! - Escola de Física para Jovens, no Ano Internacional da Tabela Periódica.

Hoje e amanhã, o TAGV recebe a extensão do único festival de cinema ambiental de Portugal - o CineEco. Há sessões para ver às 18h30 e 21h30, em ambos os dias. A entrada é gratuita.

Na noite do próximo dia 31, Scott Matthews sobe ao palco do TAGV. O cantor inglês vem apresentar o seu mais recente álbum, “The Great Untold”. A primeira parte do concerto vai estar a cargo de Cristóvam, um cantautor açoriano.

 A UC foi Notícia
(A visualização destes conteúdos pode requerer autenticação na área privada)

João Gabriel Silva deixa a reitoria da Universidade de Coimbra no próximo dia 1 de março, oito anos após ter assumido o cargo pela primeira vez. Fê-lo num período difícil: em 2011, a instituição tinha um saldo negativo orçamental de quase sete milhões de euros. E, nesse mesmo ano, era assinado o memorando da troika. Agora, já com as contas equilibradas, lembra que quem o suceder terá de enfrentar uma quebra demográfica “catastrófica”. A solução é atrair mais estudantes internacionais. E premiar a meritocracia. (Diário As Beiras)

Investigadores da Universidade de Coimbra alertam para desigualdades criadas pelo facto de a habitação ter sido encarada, nas últimas décadas, como um ativo financeiro e não como um direito constitucional. (Diário de Notícias Online)

A criação de um mapa de risco para a exposição a radiações ionizantes em Portugal foi defendida este domingo pelo Laboratório de Radioatividade Natural (LRN) da Universidade de Coimbra, que acaba de obter uma certificação de qualidade de nível europeu. (Sic Notícias Online)

Investigadores de Coimbra e de Aveiro estão a desenvolver "novos modelos matemáticos e algoritmos" para "aumentar a resiliência das redes de comunicações" de serviços críticos, como hospitais, bolsa, banca e serviços de emergência. (Público)