Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização. Ao navegar aceita a política de cookies.
OK, ACEITO

SII&DT 45447 NERVEGEN 

Centro 2020

Código da Operação: CENTRO-01-0145-FEDER-045447

Referência: SII&DT 45447 NERVEGEN

Objetivo principal: Reforçar a investigação, o desenvolvimento tecnológico e a inovação

Acrónimo: NERVEGEN

Título: Photopolymerizable biodegradable copolymers for biomedical applications

Área Científica: Engenharia Química, Tecnologias dos Materiais, Investigação e desenvolvimento das ciências físicas e naturais

Síntese do Projeto: Pretende-se promover a transferência do conhecimento valorizando resultados que podem ser transformados em produtos inovadores com especial aplicação em novos tratamentos na área da saúde nomeadamente na disciplina da medicina regenerativa, através da proteção da tecnologia por pedido de patente. As lesões de nervo periférico são bastante comuns, sendo que, nos casos mais graves, pode mesmo resultar em incapacidade nervosa permanente. Por este motivo, ao longo do último século têm sido estudadas novas formas de melhorar a regeneração de nervo periférico após uma lesão. A técnica de autoenxerto destacou-se pelo facto de apresentar resultados mais satisfatórios, provando melhorar a qualidade do nervo regenerado. Contudo, esta técnica implica o recurso a duas cirurgias. Na perspetiva de evitar esta desvantagem, surge o conceito de tubo guia que consiste num tubo oco cuja principal função é fornecer um meio adequado à regeneração do novo nervo guiando o seu crescimento até à extremidade oposta. Neste sentido, foi desenvolvido um dispositivo que garante a regeneração do nervo, enquanto é lentamente reabsorvido pelo organismo sem indução de reações adversas que possam levar à rejeição do mesmo e posterior remoção com recurso a uma segunda cirurgia. Este novo dispositivo combina dois materiais poliméricos com aprovação por parte da Food and Drug Administration (FDA), para aplicações biomédicas, a saber dextrano e poli (e-caprolactona). Através do uso de polímeros diferentes permite combinar propriedades permitindo controlar as propriedades finais do dispositivo que diretamente influenciam o sucesso da sua aplicação, como por exemplo capacidade de inchaço e degradação. O resultado final consiste num tubo transparente, com flexibilidade adaptável, que é facilmente suturado sem prejudicar a sua integridade estrutural. Considerando o mercado desta tecnologia e que é necessário garantir a exclusividade nesses mercados, para que tecnologia seja licenciada e consequentemente valorizada comercialmente, o presente projeto pretende proceder à proteção da Tecnologia, por pedido de patente internacional seguido da submissão nas fases nacionais e regionais nomeadamente nos: EUA, Europa, Brasil, Japão.

Investigador Responsável: Doutor Nuno Ricardo Furtado Dias Mendonça

Programa de Financiamento: PT2020-SII&DT – Propriedade Intelectual

Instituição Financiadora: Autoridade Nacional de Inovação

Data de início: 04-06-2019

Data de conclusão: 03-06-2021

Instituições participantes no Projeto: Universidade de Coimbra

Custo total elegível (EUR): 50.000,00€

Apoio financeiro da UE: 42.500,00€

Apoio financeiro nacional: 7.500,00€

Técnico do Projeto: Patrícia Correia

Contacto: 239 247 026