Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização. Ao navegar aceita a política de cookies.
OK, ACEITO

Real Sociedade Espanhola de Física distingue professor da FCTUC

3 novembro
Manuel Fiolhais
Manuel Fiolhais
© DR

Manuel Fiolhais, professor do Departamento de Física da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC), foi galardoado com o prémio “Melhor Contribuição Didática nas publicações da RSEF”, atribuído pela Real Sociedade Espanhola de Física (RSEF) em conjunto com a Fundação BBVA.

O prémio, que vai ser entregue no próximo mês de dezembro, em Madrid, distingue o artigo “Sistema mecánico con un potencial catastrófico”. O artigo apresenta uma experiência que ilustra, de forma pedagógica, certos comportamentos descritos, matematicamente, na teoria das catástrofes. A experiência simula, por outro lado, aspetos centrais do funcionamento dos qubits (bits quânticos) baseados em supercondutores.

De acordo com Manuel Fiolhais, o artigo agora premiado «mostra como assuntos abordáveis ao nível de disciplinas básicas de física podem estar relacionados com tecnologias de ponta, ainda em desenvolvimento, no âmbito da computação quântica».

O trabalho foi levado a cabo em coautoria com Rogério Nogueira, professor da Escola Secundária Eng. Acácio Calazans Duarte, na Marinha Grande.

Criados em 2008, os prémios da Real Sociedade Espanhola de Física-Fundação BBVA reconhecem anualmente a criatividade, o esforço e as realizações no campo da física, tendo como objetivo servir de estímulo aos profissionais que desenvolvem o seu trabalho tanto na investigação como nas áreas de ensino secundário e universitário, inovação, tecnologia e divulgação.

Um vídeo da experiência está disponível em: https://iopscience.iop.org/article/10.1088/1361-6404/abf059.