Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização. Ao navegar aceita a política de cookies.
OK, ACEITO

John Milnor

John Milnor
(1931-    )



John Willard Milnor, nascido a 20 de Fevereiro de 1931, em Orange, New Jersey, é um matemático americano conhecido por seus trabalhos em topologia diferencial, K-teoria e sistemas dinâmicos.

John Milnor formou-se na Universidade de Princeton, onde obteve o grau de Artium Baccalaureatus em 1951. Depois de formado, iniciou a sua carreira de investigação, tendo sido nomeado, em 1953, docente de Princeton antes de concluir o seu doutoramento, em 1954, tendo Ralph Fox como orientador de tese.

Milnor permaneceu no corpo docente de Princeton, como bolseiro da fundação Alfred P.Sloan de 1955 a 1959. Foi promovido a professor titular em 1960, e em 1962, foi nomeado para a cátedra Henry Putman. Permaneceu em Princeton até 1967.

Em 1970, depois de ocupar cargos de curta duração na Universidade de Califórnia, Los Angeles, e no Instituto de Tecnologia de Massachusetts, Milnor ingressou no corpo docente do Instituto de Estudos Avançados, localizado em Princeton.

John Milnor desempenhou papel importante na Sociedade Americana de Matemática, cumprindo um mandato como vice-presidente (1975 a 1976). Por muitos anos, foi redactor da publicação Annals of Mathematics.

As ideias profundas e as descobertas fundamentais de John Milnor moldaram em grande parte o panorama matemático da segunda metade do século XX. Foi laureado com o Prémio Abel de 2011 “pelas suas descobertas pioneiras em topologia, geometria e álgebra”.

Toda a obra de Milnor revela as características da investigação científica por excelência: profunda percepção, fecunda imaginação, elementos de surpresa e beleza suprema.

Ao longo de 60 anos, John Milnor deixou uma marca profunda na Matemática moderna. Numerosos conceitos matemáticos, resultados e conjecturas têm o seu nome. Encontramos, por exemplo, as esferas exóticas de Milnor, a fibração de Milnor, o número de Milnor, a teoria do amassamento de Milnor e Thurston, e as conjecturas de Milnor sobre a teoria dos nós, a K-teoria, a teoria do grupo combinatório e a dinâmica holomorfa.

No entanto, o significado da obra de Milnor vai muito além dos resultados espectaculares da sua própria investigação. Ele também escreveu livros tremendamente influentes, que são considerados como modelos da escrita matemática elegante.

As suas publicações incluem Differential Topology (1958), Morse Theory (1963), Lectures on the h-cobordism theorem (1965), Singular points of complex hypersurfaces (1968), Introduction to algebraic K-theory (1971), Dynamics in one complex variable (1999) e Characteristic Classes (com J. Stasheff) (1974).

John Milnor foi laureado com muitos prémios e distinções. Em 1962, quando tinha apenas 31 anos de idade, recebeu a Medalha Fields pelo seu trabalho sobre a topologia diferencial. Recentemente a Sociedade Americana de Matemática galardoou-o com o Prémio Leroy P. Steele de 2011 pelo conjunto da sua obra: “Milnor destaca-se da lista dos grandes matemáticos pelo conjunto da sua obra e pela influência exercida sobre a Matemática em geral”.

Ganhou dois prémios Steele da Sociedade Americana de Matemática, um pela Divulgação da Matemática (2004) e um pela Contribuição Fundamental à Investigação Científica (1982).

Em 1989, obteve o Prémio Wolf em Matemática, um prémio internacional destinado a promover as ciências e as artes em benefício da humanidade: “pelas suas descobertas engenhosas e altamente originais em geometria, que abriram novas e importantes perspectivas em topologia do ponto de vista algébrico, combinatório e derivável.”

Recebeu a Medalha Nacional da Ciência em 1967, e em 1963 foi eleito para a Academia Nacional das Ciências.

Milnor é também membro da Academia Americana de Artes e Ciências e da Sociedade Americana de Filosofia. Desde 1994 é membro estrangeiro da Academia Russa das Ciências, e em 2004 tornou-se membro da Academia Europeia das Ciências, Artes e Letras.

Actualmente é co-director do Instituto de Ciências Matemáticas da Universidade de Stony Brook, Nova Iorque.

Fontes:

THE ABEL PRIZE - [On line]. [s.l.] : The Norwegian Academy of Science and Letters, [s.d.] [Consult. 27 e 28 de Abril 2011] Disponível em: WWW: URL: http://www.profgarcia.xpg.com.br/matematicos_nop.html

Medlibrary.org [On line]. [S.l. : s.n., Cop. 2004-2011]. [Consult. 26 April 2011]. Available in WWW: http://medlibrary.org/medwiki/John_Milnor#cite_note-hindu-1

MacTutor History of Mathematics archive [On line]. St Andrews : University of St Andrews, 1998. [Consult. 26 April 2011]. Available in WWW: http://www-history.mcs.st-and.ac.uk/Biographies/Milnor.html

Livros disponíveis na Biblioteca Matemática:


MILNOR, John Willard - Morse theory. Princeton : Princeton University Press, 1969. VIII, 153 p

Cota: 58E/MIL

MILNOR, John Willard - Collected papers. Houston : Publish or Perish, 1994-1995. 2 vol. ISBN 0-914098-30-6. ISBN 0-914098-31-4

Cota: 01A75/MIL (2 vol.)

MILNOR, John Willard ; HUSEMOLLER, Dale - Symmetric bilinear forms. Berlin : Springer, 1973. VIII, 150 p. ISBN 3-540-06009-X

Cota: 11E/MIL

MILNOR, John Willard, ; STASHEFF, James D. - Characteristic classes. Princeton : Princeton University Press, 1974. VII, 330 p. ISBN 0-691-08122-0

Cota: 57R/MIL.Cha

MILNOR, John Willard - Topology from the differentiable viewpoint. Revised ed. Princeton : Princeton University Press, 1997. XI, 64 p. ISBN 0-691-04833-9

Cota: 57R/MIL/rev.ed.

MILNOR, John Willard - Topology from the differentiable viewpoint. 5th. print. Princeton : Princeton University Press, 1978. XI, 64 p. ISBN 0-8139-0181-2

Cota: 57R/MIL