Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização. Ao navegar aceita a política de cookies.
OK, ACEITO

Projetos

Aprovados

JustSide

Rede de investigação internacional sobre “Justiça e Sustentabilidade no Território através de Sistemas de Infraestruturas de Dados Espaciais” (Just Side)

A rede JUST-Side visa criar uma metodologia para desenvolver e usar ferramentas de apoio à decisão baseadas numa infra-estrutura de dados em suporte digital para reforçar a justiça ambiental e a coesão territorial fortalecendo as políticas públicas que permitem enfrentar desafios sociais, ambientais, económicos, jurídicos e democráticos.

O objetivo geral da rede JUST-Side é promover a justiça territorial e a sustentabilidade das políticas públicas, cumprindo os objetivos de desenvolvimento sustentável da ONU.

Duração do financiamento: 2018 a 2021

Entidade financiadora: CYTED - Programa Iberoamericano de Ciencia y Tecnología para el Desarrollo

Grupo de Investigação: Crise, Sustentabilidade e Cidadanias

Coordenadora e investigadora principal: Alexandra Aragão


g7+

PROJECT g7+ | 2017-

Law’s perspective on peacebuilding, peacekeeping, “statebuilding”, constitution-making and “resilience” in fragile States.
Collaboration with g7+ around peacebuilding, statebuilding and rule of law (Inclusive Societies, Security, Justice, Economic Foundation, Revenue and Services), in fragility and the implementation of the New Deal for Engagement in Fragile States and its implementation.

Research Group: Crisis, Sustainability and Citizenship
Project Coordination: José Carlos Vieira de Andrade

  
MAIS

M.A.I.S. Estarreja | 2014.—2016
O combate às alterações climáticas, a redução de emissões de dióxido de carbono, a preservação de ecossistemas, a redução do desemprego e a competitividade económica, entre múltiplos outros objectivos de desenvolvimento sustentável, obrigam os decisores locais a dispor de informação atempada para antever, planear e implementar estratégias de sustentabilidade. Este projecto de investigação tem por objectivo implementar uma metodologia participativa na construção de uma Matriz de Indicadores de Sustentabilidade para o concelho de Estarreja – a “M.A.I.S. Estarreja”.

Duração do Projecto: 1 de Setembro de 2014 a Junho de 2016.
Entidade Financiadora: Observatório Homme-Milieux International (OHMI) – Estarreja, através do Centro de Investigação Francês CNRS (Centre National de la Recherche Scientifique).
Grupo de Investigação: Crise, Sustentabilidade e Cidadanias
Investigadora Responsável: Sara Moreno Pires

  
IJ - Sevilha PROYECTO DE INVESTIGACIÓN DEL PROGRAMA ESTATAL DE FOMENTO DE LA INVESTIGACIÓN CIENTÍFICA Y TÉCNICA DE EXCELENCIA, SUBPROGRAMA ESTATAL DE GENERACIÓN DE CONOCIMIENTO (PLAN ESTATAL DE INVESTIGACIÓN CIENTÍFICA Y TÉCNICA Y DE INNOVACIÓN 2013-2016. CONVOCATORIA 2013. MINISTERIO DE ECONOMÍA Y COMPETITIVIDAD) | 2014.— Título del Proyecto: Recursos naturales y Energías
Centro Solicitante: Universidad de Sevilla (España)
Nº de Solicitud/Expediente: 119342453-42453-4-13
Responsable del Proyecto: Profesores Doctores Jesús Jordano Fraga y Roberto Galán Vioque
Ente Promotor Observador (EPO): Instituto Jurídico da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra
Interesado en el Proyecto
Representante legal del Ente Promotor Observador: Professor Doutor Rui Manuel Gens de Moura Ramos
Investigador Participante del Ente Promotor Observador: Professor Doutor Suzana Maria  Calvo Loureiro Tavares da Silva
  
SPESSPES - Socialidade, Pobreza(s) e Exclusão Social | 2013.—
Coordenador: João Carlos Simões Loureiro No momento em que a economia social é apontada pela ONU como um dos “Objectivos para o Milénio”, em que a União Europeia apresenta estratégias para o crescimento e a superação da crise baseadas no empreendedorismo social e em que Portugal aprova uma lei da economia social, afigura-se-nos urgente aprofundar este tema de enorme relevo social, que não tem merecido muita atenção por parte das Faculdades de Direito. É neste contexto que surge o Projecto de Ensino, Investigação e Desenvolvimento SPES – Sociedade, Pobreza(s) e Exclusão Social, integrado nas actividades do Instituto Jurídico da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra.
  
Dto. PetróleoDireito do Petróleo | 2011.2014
Coordenadores: José Carlos Vieira de Andrade | Rui de Figueiredo Marcos

O grupo de trabalho para o estudo do direito do petróleo é o resultado de um projecto financiado pelo “Prémio Lopes Praça” que culminou com a edição de um estudo monográfico sobre o regime jurídico das diversas actividades envolvidas na exploração do petróleo, com incidência directa sobre o ordenamento jurídico-legal português, enquadrando-o nos principais deafios jurídicos globais. Uma especial atenção merecem aí também as recentes modificações legislativas ocorridas em países lusófonos: os casos do Brasil, de Angola e de Timor.
  
FCT

Plano estratégico | 2015.—
O projecto estratégico que constitui o núcleo da investigação do IJ desenvolve-se em torno da relação entre o direito, a incerteza e os novos desafios sociais. Com efeito, a incerteza afecta simultaneamente a dinâmica da actividade social (enquanto objecto de regulamentação) e o processo através do qual as regras jurídicas e os respectivos autores são produzidos. Assim, para além de ter consequências epistémicas significativas, a incerteza incide também sobre a interacção humana, porque reduz a previsibilidade, que é uma condição da maior importância na composição justa e racional dos interesses conflituantes.

Duração do Projecto: 1 de Janeiro de 2015 a 31 de Dezembro de 2017.
Entidade Financiadora: FCT - Fundação para a Ciência e a Tecnologia (http://www.fct.pt/)
Investigador Principal: Rui Manuel Gens de Moura Ramos