Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização. Ao navegar aceita a política de cookies.
OK, ACEITO

Aula Aberta de "Poética e Escrita Criativa"

6 maio
Boaventura de Sousa Santos
Boaventura de Sousa Santos

No próximo dia 6 de Maio, pelas 18.00, realiza-se uma Aula Aberta de "Poética e Escrita Criativa", que contará com a presença do poeta Boaventura de Sousa Santos.

Este é mais um evento inserido no ciclo anual "Encontros com Poetas" e integra o conjunto de atividades organizadas no âmbito do Programa de Doutoramento "Discursos: Cultura, História e Sociedade" (FLUC/FEUC/CES).


ZOOM:

https://videoconf-colibri.zoom.us/j/86250926717?pwd=V3kwL2dKZUxkaDNaTlVzcTBqR25TQT09


ID da reunião: 862 5092 6717

Senha de acesso: 652239



Boaventura de Sousa Santos nasceu em Coimbra e é mundialmente conhecido pela sua vasta obra como cientista social e pelas suas intervenções públicas enquanto intelectual ativista. Apesar de ser menos conhecido em Portugal pela sua obra literária, é autor de cerca de duas dezenas de livros de poesia.

A escrita de poesia foi sempre acompanhando o labor do académico e intelectual público, tendo-se estreado com Antologia de poesia universitária (Lisboa: Portugália, 1962). Publicou em seguida O rosto quotidiano (Coimbra: Almedina, 1966), Têmpera (Coimbra: Centelha, 1980), Madison e outros lugares (Porto: Afrontamento, 1989), Viagem ao centro da pele (Porto: Afrontamento, 1995), Escrita INKZ – Anti-manifesto para uma arte incapaz (Rio de Janeiro: Aeroplano, 2004. Também publicado em Portugal pelas Edições Afrontamento, em 2007), Janela presa no andaime (Belo Horizonte: Scriptum, 2009); Rap global (Rio de Janeiro: Aeroplano, 2010), Falta de ar em plena estação (São Paulo: Escrituras Editora, 2012), Pomada em pó. Poemas epigramáticos (Rio Tinto: Lugar da Palavra Editora, 2013), e 139 Epigramas para Sentimentalizar Pedras (Rio de Janeiro: Confraria do Vento, 2015); Crônicas de Acabária (Rio de Janeiro: Confraria do Vento, 2017); Manifesto Antipteridófitas (Rio de Janeiro: Confraria do Vento, 2017); Escrita INKZ – Anti-manifesto para uma arte incapaz, Rio de Janeiro: Confraria do Vento, 2019 (2ª edição); Rap global, Rio de Janeiro: Confraria do Vento, 2019 (2ª edição) & Porto: Editora Apuro, 2020.

Director Emérito do CES, professor jubilado da Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra e Distinguished Legal Scholar da Universidade de Wisconsin-Madison, é autor ou organizador de mais de 60 livros em várias línguas e coordenador de inúmeros projetos de investigação. Tem lecionado em diversas universidades da Europa, das Américas, da África e da Ásia. Entre as distinções e prémios que recebeu, destacam-se a Distinção Sócrates, pela Faculdade de Direito da Universidade de los Andes (2012); Prémio México de Ciência e Tecnologia 2010; Prémio Gulbenkian de Ciência (1996); Prémio Pen Club Português, Ensaio (1994); Prémio Harry J. Kalven Jr., pela Law and Society Association (2011).