Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização. Ao navegar aceita a política de cookies.
OK, ACEITO

Vox Media: O Som na Literatura (2015-2022)

 

Equipa do Projeto

Coordenador

Osvaldo Manuel Silvestre (Universidade de Coimbra)

Membros

Felipe Cussen (Universidade de Santiago do Chile) [colaborador]

Fernando Matos Oliveira (Universidade de Coimbra)

Pedro Serra (Universidade de Salamanca)

José Geraldo (Doutorado em Materialidades da Literatura, 2016; Universidade de Aveiro)

Nuno Meireles (Estudante do Programa, Bolseiro FCT)

Nuno Miguel Neves (PD/BD/52250/2013; Estudante do Programa, Bolseiro FCT)

Tiago Schwäbl (Estudante do Programa)

 

Sinopse

O projeto “Vox Media: O Som na Literatura” investiga a relação entre inscrição literária e fonografia, analisando a presença da voz humana e do universo sonoro na experiência literária. A escrita alfabética enquanto representação abstrata da fala, da voz e dos sons, por um lado, e a fonografia enquanto inscrição automática da fala, da voz e dos sons, por outro, serão analisadas na sua especificidade, mas também nas suas interações mediais. A existência de um vasto arquivo fonográfico de textos literários (gravados em suportes analógicos ou digitais) constitui uma fonte largamente inexplorada de investigação. As práticas de experimentação literária com a linguagem e com a voz para além das formas de notação alfabética, realizadas por vezes com recurso à manipulação técnica da emissão ou do registo sonoro, oferecem também um campo significativo de conhecimento. O corpus a investigar neste projeto será selecionado quer do arquivo literário fonográfico, quer das formas sonoras da literatura. Oralidade, vocalidade e auralidade poderão assim ser analisadas como elementos materiais de significação literária.

Sítio web do projeto: http://www.voxmedia.uc.pt/

 

Objetivos

a) Descrever e analisar os modos de presença do som na experiência literária, seja através da manipulação do código da escrita, seja através do registo fonográfico da leitura e da interpretação vocal.

b) Teorizar sobre a audiotextualidade a partir da compreensão da especificidade do registo fonográfico da fala, da voz e do som nas práticas literárias.

c) Investigar a escrita alfabética como sistema de notação, através de obras e práticas que exploram a relação entre inscrição e expressão literária da voz e do som.

d) Produzir um áudio-arquivo digital e uma base de dados com a inventariação das gravações literárias em Portugal.

 

Calendarização

O projeto desenvolve-se em duas fases, coincidindo com o financiamento trienal do CLP: 2015-2017 (fase 1), 2018-2022 (fase 2).

 

Atividades

1) Colóquio interno bienal “Vox Media: O Som na Literatura” para apresentação de resultados da investigação em curso pelos membros do projeto, juntamente com convidados externos: 1ª edição, 27 de novembro de 2015.

2) Colóquio multidisciplinar "Variações sobre António: Um Colóquio em Torno de António Variações", 7 e 8 de dezembro de 2017.

3) Missões de participação em colóquios externos (nacionais e internacionais) que versem temáticas afins do projeto.

4) Publicação de um número da revista MATLIT dedicado a este tema de investigação: Vol. 5.1 (2017): Vox Media: O Som na Literatura, org. Osvaldo Manuel Silvestre e Felipe Cussen

 

Teses de doutoramento no âmbito deste Projeto

1. José Geraldo, «Registos sonoros de interpretação poética: análise dos modos de dizer poesia em Portugal, a partir das gravações em disco» (tese concluída em 2015, aprovada a 04-03-2016)

2. Nuno Miguel Neves (Bolseiro FCT, 2013-2017), «Vox Ex Machina: Poesia Sonora no Séc. XXI»

3. Tiago Schwäbl, «shrrshrrsh: Questões de notação na poesia sonora»

 

Conferências e seminários por investigadores convidados

2019
2018
  • Frederico Fernandes (Universidade Estadual de Londrina), com a participação de Nuno Neves (UC, Materialidades da Literatura) e Diego Giménez (Centro de Literatura Portuguesa): Apresentação do livro Polypoetry 30 Years, 1987-2017, organizado por Enzo Minarelli e Frederico Fernandes.
2017
  • Felipe Cussen (Universidad de Santiago de Chile) “Cajas“, conferência seguida de performance. 6 de outubro de 2017.
2016
  • Artist talk by Alessandra Eramo (sound artist, vocalist and composer) “Voice. And Beyond”, 28 de abril de 2016.


 Atividades do Projeto

2019
  • Jaap Blonk (poeta sonoro): Performance “Dr Voxoid’s Next Move”. Salão Brazil, Coimbra, 20 de maio de 2019. Organização do Programa de Doutoramento  em Materialidades da Literatura, JACC-Serviço Educativo (Coimbra), Associação Cultural Calafrio (Guarda), Fundação Eugénio de Almeida (Évora) e Hipoglote (RUC-Rádio Universidade de Coimbra).
2018
2017
2016
  • Tiago Schwäbl e Nuno Miguel Neves, «Hipoglote» (Programa de rádio, RUC, 2016-2019)
2015


Participação em Colóquios

2018


Comunicações em colóquios

  • Schwäbl, Tiago. “A convocatória de Nancy.” VisoVox: Poesia Visual e Sonora. Fundação Eugénio de Almeida. Évora. 27 de setembro de 2018.
  • Nuno Miguel Neves. “Revistas em revista OU como publicar Poesia Sonora.” VisoVox: Poesia Visual e Sonora. Fundação Eugénio de Almeida. Évora. 27 de setembro de 2018.
  • Nuno Miguel Neves. “Latin American Sound Poetry: The Case of Amanda Berenguer’s ‘Dicciones’”. 65th Annual Meeting of SECOLAS, Vanderbilt University, Nashville, EUA. 10 de março de 2018.


Criação literária

  • Nuno Miguel Neves. #deadbymigration [poema]. pacificREVIEW: A West Coast Arts Review Annual. San Diego State University Press. setembro de 2018.
  • Nuno Miguel Neves. 2 poemas s/ título. S/CISMO. Fanzine comemorativa dos 70 anos do Teatro Universitário do Porto. 15 de dezembro de 2018.
  • Schwäbl, Tiago. Era uma vez eu alface. Libreto para ópera de Fátima Fonte. Estreado no TNSC a 17 de Fevereiro de 2018.


Apresentações de livros e exposições

  • Nuno Miguel Neves. Apresentação de "Polypoetry 30 Years, 1987-2017", de Enzo Minarelli e Frederico Fernandes (eds.). Salão Brazil, Coimbra. 6 de dezembro de 2018. Com Frederico Fernandes e Diego Giménez. 6 de dezembro.
  • Nuno Miguel Neves. Ponto de escuta. Apresentação da exposição VisoVox: Poesia Visual e Sonora. Fundação Eugénio de Almeida. Évora. Com Tiago Schwäbl. 25 de julho de 2018.
  • Nuno Miguel Neves. Apresentação de “Parlatório”, de Américo Rodrigues. Galeria ZDB, Lisboa. 24 de fevereiro de 2018.
  • Nuno Miguel Neves. Apresentação de “Parlatório”, de Américo Rodrigues. Salão Brazil, Coimbra. 13 de janeiro de 2018.

Oficina

  • Neves, Nuno Miguel. Oficina de Escuta. VisoVox: Poesia Visual e Sonora. Fundação Eugénio de Almeida, Évora. 28 de setembro de 2018.

Performance

  • Meireles, Nuno. [Performance]“Transmedia Pastoril da Serra da Estrela”, in Montanha Mágica - Encontro Internacional sobre Arte e Paisagem, Universidade da Beira Interior, Covilhã, 8 de novembro de 2018. http://montanhamagica.ubi.pt/#perf
2017

Performance

2016
2015
  • José Geraldo, "O som no momento da escrita e no da interpretação vocal de um texto escrito — objetos e gravações sonoras", no colóquio "Vox Media: O Som na Literatura. Colóquio I”, Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, 27 de novembro de 2015.
  • Nuno Miguel Neves (PD/BD/52250/2013), “The Universe is Green: Portuguese Poetry and the Beats", no colóquio anual da "European Beat Studies Network”, na Universidade Livre de Bruxelas, de 28 a 31 de outubro de 2015.
  • Nuno Miguel Neves (PD/BD/52250/2013), "Do fio que canta às vozes etéreas: Eletricidade, Tecnologia e Voz", no colóquio "Vox Media: O Som na Literatura. Colóquio I”, Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, 27 de novembro de 2015.
  • Osvaldo Manuel Silvestre, "Ninguém sabe a voz que tem: Manuel Bandeira e a leitura pública de poesia", no colóquio "Vox Media: O Som na Literatura. Colóquio I”, Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, 27 de novembro de 2015.


Publicações do Projeto

2018

Recensões críticas

Artigo em blogue e em periódico

  • Neves, Nuno Miguel. “Parlatório [Recensão].” Le Monde Diplomatique, abril 2018. pp. 13.
2017

Artigos

Entrevista

Recensões críticas

2016

Entrevistas

Criação literária

2015

Artigos

  • Serra, Pedro. "Voz do Avatar, Voz Como Avatar, Avatar da Voz." MATLIT: Revista do Programa de Doutoramento em Materialidades da Literatura [Online], 3.1 (2015): 11-22. Web. DOI: http://dx.doi.org/10.14195/2182-8830_3-1_1

Recensões críticas

  • Neves, Nuno Miguel. "Dígitos a Contrapelo ou da Materialidade do Erro na Cultura Digital." MATLIT: Journal of the Doctoral Program in Materialities of Literature [Online], 3.1 (2015): 261-265. Web. DOI: http://dx.doi.org/10.14195/2182-8830_3-1_19
  • Neves, Nuno Miguel. "Sur le pavé la fibre optique: Para uma (In)Definição da Arqueologia dos Media." MATLIT: Journal of the Doctoral Program in Materialities of Literature [Online], 3.1 (2015): 284-287. Web. DOI: http://dx.doi.org/10.14195/2182-8830_3-1_24
2014

Artigos

  • Serra, Pedro. “ ‘As vozes saem do ar, e não de gargantas’– Arqueofonias do Livro do Desassossego e da Copilaçam de Gil Vicente”, in Patrícia Soares Martins, Golgona Anghel, Fernando Guerreiro, orgs., Central de Poesia: O Livro do Desassossego, Lisboa: CLEPUL – Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, 2014. 63-76. ISBN 978-989-680-119-9.

Recensões críticas

  • Schwäbl, Tiago. "Para Além da Parergónia: A Leitura da Remoção." MATLIT: Journal of the Doctoral Program in Materialities of Literature [Online], 2.1 (2014): 190-194. Web. DOI: http://dx.doi.org/10.14195/2182-8830_2-1_12
2013

Recensões críticas

  • Portela, Manuel. Recensão crítica a Felipe Grüne Ewald, Frederico Fernandes, Juliana Franco Alves, Marcelo Rodrigues Jardim, Sofia Aparecida Vido Pascolati (orgs.), Cartografias da Voz: Poesia Oral e Sonora. Tradição e Vanguarda (Curitiba, PR: Letra e Voz, 2011), in Revista de Estudos Literários, Vol. 3, 2013, pp. 452-456. ISSN 2182-1526.