Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização. Ao navegar aceita a política de cookies.
OK, ACEITO

Centenário da I Travessia Aérea do Atlântico Sul | Ciência às Seis (on-line)

15 de Fevereiro - 18h
Centenário da 1ª Travessia Aérea do Atlântico Norte

Dia 15 de Fevereiro às 18h realiza-se via plataforma Zoom, a palestra intitulada "Centenário da I Travessia Aérea do Atlântico Sul" com o Professor Manuel Galvão de Melo e Mota do Departamento de Biologia da Universidade de Évora.

Sessão inserida no ciclo "Ciência às Seis", iniciativa do RÓMULO - Centro Ciência Viva da Universidade de Coimbra, destinada ao público em geral interessado em cultura científica, de participação livre e gratuita, não sendo necessária inscrição.

Resumo: É comum escutarmos que a Ciência portuguesa apenas se desenvolveu em décadas recentes. Esquecemo-nos que ao longo dos séculos, Portugal deu grandes contributos científicos. Há exactamente 100 anos, dois portugueses, Sacadura Cabral e Gago Coutinho deram um notável contributo à navegação aérea, ao realizarem a I travessia aérea do Atlântico Sul, a primeira navegação aérea efectuada de forma científica, matemática, a nível mundial.

O voo de Gago Coutinho e Sacadura Cabral, para além de constituir a I Travessia Aérea do Atlântico Sul, foi o primeiro voo do mundo  a ser efectuado de forma científica,  com cálculos rigorosos, utilizando um sextante especialmente adaptado por Gago Coutinho, com horizonte artificial, e um "corrector de rumos", para ajustar a trajectória. Nesse aspecto um voo mais importante que os dois voos efectuados uns anos antes de travessia do Atlântico Norte. Foi esta a primeira vez que se utilizou um sextante em navegação aérea o que permitiu que a etapa maior do voo, entre Cabo Verde e o Brasil, se realizasse com sucesso, chegando a aeronave com precisão, e no limite do combustível, aos minúsculos Penedos de S. Pedro e S. Paulo, junto à costa brasileira.

Breve Biografia do Orador:

Manuel Galvão de Melo e Mota é Professor Associado com Agregação do Departamento de Biologia da Universidade de Évora, onde dirige o laboratório de Nematologia (ensino e investigação) do Instituto Mediterrâneo para a Agricultura, Ambiente e Desenvolvimento (MED). Esteve no Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária (INIAV). Licenciado em Biologia pela Universidade de Lisboa (FCUL), concluiu o seu PhD em Patologia Vegetal, em 1992, em Virginia Tech, USA. Agregou-se em 2002 em Nematologia na Universidade de Évora. Foi Professor (Catedrático) Visitante em 2012 na Universidade Estadual Norte Fluminense / Darcy Ribeiro, no Laboratório de Entomologia e Nematologia, com quem tem estabelecido uma cooperação científica e académica. Foi Professor Associado Convidado da Universidade de Kyoto, Japão, em 2005.

Links relacionados:

Diário de Notícias | "O centenário da I Travessia Aérea do Atlântico Sul: um Estado distraído"

RTP Ensina | "Travessia aérea do Atlântico Sul"