a carregar...

UC.PT

Imprensa da Universidade

Leonardo Coimbra e a I Primeira República *


Autor: Fernando Mendonça Fava
Língua: Português
ISBN: 978-989-8074-29-2
Editora: Imprensa da Universidade de Coimbra
Edição: 1.ª
Data: Março 2008
Preço: 10,50 €
Dimensões: 240 mm x 170 mm
N.º Páginas: 192


Sinopse:

A obra cultural, política e social de Leonardo Coimbra é a temática principal deste livro. De permeio é dada nota dos grandes traços e momentos da história da Primeira República Portuguesa, isso na justa dimensão em que tal ajuda à contextualização e melhor compreensão do objeto principal.
O estudo desta extraordinária e multifacetada personalidade – filósofo, homem de ciência, escritor, orador exímio, pedagogo, político – e a análise da sua relação crítica com os poderes instituídos durante o período histórico em apreço, dá-nos conta da enorme distância entre os projetos e intenções do movimento republicano e a obra social efetivamente conseguida pelo regime (muito aquém das expectativas e, por vezes, logrando estas), ao mesmo tempo que se retratam as vicissitudes e os condicionamentos que a um tal resultado conduziram.
Republicano de todas as horas, Leonardo nunca deixou de verberar no republicanismo aquilo que considerava serem erros de essência e de forma, desde os postulados positivistas até às lutas fratricidas em que, insensatamente, se empenharam os filhos da República. Mas também a sua palavra, celebrando momentos de heroicidade, de união, de glória, sobretudo um tributo ao povo republicano, ao povo humilde das grandes cidades, que tão abnegadamente amou a República e por ela se bateu.
Uma chamada de atenção para um trajeto espiritual percorrido por esta figura de livre-pensador que, pouco a pouco, se foi aproximando de um cristianismo católico, acabando por se converter oficialmente a esta fé, uma semana antes da sua trágica morte.
Fica-nos, por fim, o conhecimento da obra cultural de Leonardo e a perpetuação da mesma, primeiramente através de uma geração de discípulos que, de perto, privou com o Mestre e depois os discípulos dos discípulos, ou seja, uma segunda geração de seguidores, todos unidos pela figura e pelo legado cultural de Leonardo Coimbra, a quem alguém chamou, com felicidade, “Mestre dos Mestres”.

carrinho3