Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização. Ao navegar aceita a política de cookies.
OK, ACEITO

Comissão Organizadora

Joana Sayal

Joana Sayal

Violoncelista na Orquestra Académica desde a sua fundação, completou o 8º grau de violoncelo no Conservatório de Música de Coimbra e é um dos membros da comissão organizadora da OAUC desde o final de 2016, sendo neste momento a coordenadora geral da mesma. Nasceu em Coimbra em 1998 e o primeiro contacto com a música foi aos 5 anos com o maestro Virgílio Caseiro e com o professor Luís Pedro Madeira.

Em 2019 concluiu a licenciatura em Ciências Psicológicas na UC e atualmente é finalista do Mestrado Interuniversitário em Neuropsicologia Clínica e Experimental. A neuropsicologia e as neurociências são os seus principais interesses, especialmente quando a música consegue estar presente. Faz parte de outros grupos académicos como a TAUC (Tuna Académica da Universidade de Coimbra), entre outros projetos musicais como os CITHARA (fado de Coimbra e temas originais) e o CAIS de Coimbra.

Eduardo Ribeiro

Eduardo Ribeiro

Nasce na aldeia do Cercal, uma pequena localidade do concelho de Soure, e começa desde cedo a aprender a tocar trompete na filarmónica da sua terra, à qual pertence atualmente. Entrou para o Conservatório de Música de Coimbra, onde aprofundou os estudos musicais durante 8 anos na classe do professor Jaime Barbosa. Licenciado em Física pela Universidade de Coimbra, frequenta atualmente o Mestrado em Física na UC.
É o atual Presidente da Tuna Académica da Universidade de Coimbra (TAUC) e membro da Comissão Organizadora da Orquestra Académica da Universidade de Coimbra (OAUC).

Alexandre Sayal

Alexandre Sayal

Nasce na cidade dos estudantes em Fevereiro de 93. No primeiro contacto com a bateria de brincar nasce um gosto especial pela música. Estudou primeiro o dó-di-ré-ri-mi com os professores Virgílio Caseiro e Luís Pedro Madeira, mas como era pouco difícil, entrou para o Conservatório de Música de Coimbra em 2002 para estudar Violino com o professor João Ventura. 8 anos depois, ficou a vontade de tocar Tchaikovsky, e tantas outras histórias para contar.

Engenheiro Biomédico e Investigador de profissão, busca infinitamente pelos processos escondidos que formam a mente humana. Quem sabe se algum dia descobrirá o que vai na mente de um músico? 

Atualmente é o comissário responsável pela Comunicação e Divulgação. Como tal, se virem a página da OAUC a colocar gosto em posts aleatórios e em nada relacionados com música, é a ele que devem enviar um lembrete!

alexandra_santos

Alexandra Santos

É natural de Coimbra, cidade que alberga a mais antiga universidade de Portugal, na qual frequenta o curso de Medicina. Desde muito cedo que iniciou o seu percurso na música, tendo ingressado na classe de clarinete da escola de música da Filarmónica de Taveiro, vila pela qual nutre um carinho especial.

Após a participação em alguns projetos do foro musical, tal como a OSC (Orquestra dos Sopros de Coimbra), continua a não deixar esta arte de lado, conciliando a paixão que tem por esta e pela Medicina, pelo que, atualmente, integra a TAUC e a Comissão Organizadora da OAUC.

Leonor Lopes

Leonor Lopes

Atual Vice-Presidente da Tuna Académica da Universidade de Coimbra (TAUC) e estudante de Medicina, nasceu em Aveiro, onde iniciou e concluiu os seus estudos musicais no Conservatório de Música de Aveiro. Ingressou na Universidade de Coimbra em 2014, complementando o curso de Medicina com a prática de violino na TAUC e a participação na Direção desta associação. Nos tempos livres, gosta ainda de fazer outros cursos como o de Engenharia Biomédica e de vos surpreender com os seus truques de magia.

.

hugo_antunes

Hugo Antunes

Nasceu em Coimbra em 1999 e, 12 anos depois, entrou para o Conservatório de Música desta cidade. Ainda não tinha concluído o 8º grau quando foi convidado a participar no concerto de estreia da OAUC, onde se manteve como músico e, agora, também como membro da Comissão Organizadora, ligado à parte da produção. Já participou em vários projetos de orquestras mas desenvolveu um gosto especial pela OAUC, já que esta lhe permite conciliar os estudos no curso de Medicina com os momentos de alvoroço emocional que sente sempre que se senta no banco do contrabaixo.

.

ines_eulalio

Inês Eulálio

Nascida nos inícios de 1999 e natural de Moinhos da Gândara, o interesse pela música começa a surgir por volta dos cinco anos, quando, por influência do grupo EmCantos, grupo de música tradicional e popular, despoleta aquilo que se viria a tornar uma paixão: a flauta transversal. Começa a aprender o solfejo aos 6 anos na Sociedade Musical Santanense, e aos 10 ingressa no Conservatório de Música David de Sousa, onde conclui o 8º grau em 2017. Paralelamente, desenvolve o gosto pela música tradicional, sabendo também “dar uns toques” na guitarra clássica e bandolim. 

Atualmente, frequenta o Mestrado Integrado em Psicologia na FPCEUC. Na cidade dos estudantes, participa na Orquestra da Tuna Académica da Universidade de Coimbra e colabora como membro da Comissão Organizadora e como flautista na OAUC. Integra ainda a filarmónica do Grupo Musical Gesteirense e a Orquestra de Jazz da Escola de Artes do CAE da Figueira da Foz.

No geral, e desde cedo, divide o seu tempo entre a música e tudo o resto. O resto vai mudando, a música está sempre lá.

Cármen Oliveira

Nasceu em abril de 2001, em Aveiro. Desde muito cedo que iniciou a sua formação musical, entrando aos 6 anos no Conservatório de Música da Bairrada na classe de violino da Professora Elisabete Leal. Passando pelas classes de Juliana Santos, Miguel Gil e André Fonseca, e colaborando com o Ensemble de Música de Aveiro, terminou o 8º grau no Conservatório de Música de Aveiro Calouste Gulbenkian. Paralelamente ao violino, começou a aprender clarinete na Escola de Música da Banda Filarmónica Vaguense, da qual faz parte desde então.

Atualmente, estuda Medicina na Universidade de Coimbra, mas a paixão pela música não ficou para trás. Faz parte da Orquestra da TAUC e da OAUC desde 2019, colaborando como membro da Comissão Organizadora da OAUC desde 2021. No pouco tempo livre que lhe resta, anima casamentos com o grupo Lyrichords Band.

Ana Luísa Arteiro

Ana Luísa Arteiro