Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização. Ao navegar aceita a política de cookies.
OK, ACEITO

Modelo diamante: pesquisa quer conhecer revistas e plataformas de acesso aberto

Inquérito do projeto cOAlition S procura explorar e aprofundar compreensão sobre modelos de publicação não comercial
28 julho
Imagem: divulgação pesquisa revistas Diamond [OPERAS]
Imagem: divulgação pesquisa revistas Diamond [OPERAS]

Está disponível, até 25 de agosto, o inquérito do projeto cOAlition S, coordenado pela infraestrutura OPERAS, sobre as revistas e plataformas de publicação de acesso aberto gratuitas para leitores e autores - também conhecidas como "modelo diamante". O consórcio OPERAS, paralelamente, está a lançar um esforço de crowdsourcing para inventariar revistas deste tipo que ainda não estejam disponíveis nas principais bases de dados, como o DOAJ. 

O estudo pretende avaliar a intensidade e a amplitude das ofertas de revistas OA (Open Access) Diamante em todo o mundo. Com um impacto frequentemente subestimado, as revistas publicadas em modelo diamante servem áreas de investigação específicas em diferentes línguas e estão sintonizadas com as necessidades locais ou regionais específicas de várias culturas editoriais. Ao traçar uma imagem mais completa desse universo, o inquérito agora aberto deve identificar formas concretas de reunir, coordenar e apoiar este setor no futuro. 

O inquérito pode ser respondido por equipas editoriais e científicas de revistas do tipo diamante, neste link. Qualquer pessoa pode também ajudar o projeto a identificar mais revistas, contribuindo com uma folha de cálculo disponível online (acesse aqui). O inquérito está disponível em inglês, francês, alemão, italiano, espanhol e português. O estudo irá abranger todas as disciplinas e cobrir todo o panorama global. A análise será enfocada na Europa como um todo e na América Latina. 


Sobre o cOAlition S 

O cOAlition S, que encomenda o estudo, é um grupo de financiadores nacionais de investigação, organizações europeias e internacionais, e fundações criativas empenhados em tornar realidade o Acesso Aberto total e imediato a publicações científicas. 


Link para o inquérito em português: https://www.surveymonkey.com/r/GZQDBT5?lang=pt