Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização. Ao navegar aceita a política de cookies.
OK, ACEITO

BRITES, Geraldino da Silva Baltazar (1882-1941)

Professor da Faculdade de Medicina

Naturalidade - Porto (freg. Paranhos), 25.7.1882 - Lisboa, 23.8.1941.

Filiação
- Joaquim da Silva Baltazar Brites e Emília Maria de Sousa Brites.

Matrículas – Filosofia e Matemática, 3.10.1899; Medicina, 6.10.1902.

Graus
- Bacharel, 4.11.1907.

Cadeiras - Histologia (1912-1913), 1º assist. provisório; Histologia (1922-1929), prof. ordinário; Histologia (1929-1940), prof. catedrático.

Cargos - Naturalisla adjunto à cadeira de Zoologia (1910-1913); 1º assistente do Lab. de Histologia e Embriologia (1912-1913); Director do Instituto de Histologia e Embriologia (13.2.1926).

Observações - Exerceu clínica em Loulé em 1908-1910. Chefe do Laboratório da 1ª Clínica Cirúrgica e Director do Hospital Escolar de Lisboa em 1910. Secretário da Morgue da 3ª Circunscrição Médico-Legal em 23.8.1911-1915. Médico alienista do Conselho Médico-Legal da 3ª Circunscrição em 8.10.1913. Esteve no serviço de Tanatologia do Instituto de Medicina Legal em Lisboa em 1915-1922, sendo então convidado a regressar à Universidade de Coimbra. Participou em 1926 na divulgação do movimento Seara Nova em Coimbra. Em 1927 foi um dos organizadores da Sociedade Portuguesa de Biologia. Director do Instituto de Investigação Científica em 1928-1933. Fundou a revista Arquivo do Instituto de Histologia e Embriologia em 1929, para a qual contribuiu, publicando ainda vários artigos na Folia Anatomica Universitatis Conimbrigensis, de que foi co-fundador, e na Revista da universidade de Coimbra, além de outras revistas científicas. Membro da Comissão Portuguesa da União lnternacional das Ciências Biológicas em 29.7.1930.

Nota: O excerto apresentado foi retirado da obra Memoria Professorum Universitatis Conimbrigensis, com a autorização do Prof. Doutor Augusto Rodrigues, editor literário.

[Voltar] [Obras do autor]