Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização. Ao navegar aceita a política de cookies.
OK, ACEITO
VERSÃO BETA

Normas de visita

Pátio

NORMAS DE VISITA

O Turismo Universidade de Coimbra reserva-se o direito de admissão aos seus espaços sempre que a atitude e comportamento dos visitantes demonstrem desrespeito pela lei, normas de visita, instituição, colaboradores ou património;

Tenha consigo a documentação que poderá ser necessária nas bilheteiras, nomeadamente, comprovativos identificação ou reserva;

O bilhete é pessoal e intransmissível devendo ser guardado até ao final da visita após o que não poderá voltar a ser utilizado;

Respeite as indicações fornecidas pelos colaboradores e a sinalética de cada local, nomeadamente os avisos, indicações de perigo e de acesso condicionado;

Contribua para assegurar as boas condições de circulação em cada local e evite fazer barulho e ter atitudes que perturbem os outros visitantes;

Não toque no património integrado, nos objetos expostos e não apanhe plantas quando visita ao Jardim Botânico;

Preste especial atenção sempre que circule em zonas com obstáculos e degraus;

Dadas as características da torre cuja acessibilidade consiste em 184 degraus e uma zona estreita, solicita-se um maior cuidado aos visitantes com dificuldades de locomoção e menos de 6 anos deverão ser sempre acompanhados;

Fume em locais autorizados e evite deixar piriscas no chão;

Não é permitido merendar, nem comer no interior dos espaços de visita;

Deposite todos os detritos nos contentores adequados, em especial pastilhas elásticas que danificam o património;

Não é permitida a entrada de animais com exceção de cães guia, ou cães ao colo dos seus donos;

É proibido o uso tripés e drones nos interiores e exteriores salvo os que tiverem autorizações;

Por questões de limpeza e manutenção os wc’s encerram durante dois períodos ao longo do dia, cujos horários se encontram afixados na porta;

É proibido fotografar com flash no interior do Paço Real e da Capela de S. Miguel;

É proibido fotografar no Piso Nobre da Biblioteca Joanina, por questões de segurança;

A realização de sessões fotográficas, filmagens e atividades no interior do Paço das Escolas carecem obrigatoriamente de autorização prévia e estão sujeitas a condições e tarifários específicos;

A utilização pública da imagem dos espaços da UC, independentemente do suporte e fins, carece obrigatoriamente de autorização prévia;

Contacte os nossos colaboradores sempre que necessitar de algum esclarecimento ou apoio ou se detetar alguma irregularidade;

O Turismo da Universidade de Coimbra reserva-se o direito de fazer cessar, sem direito a reembolso, a permanência dos visitantes que não cumpram as normas de visita ou que manifestem comportamentos que interfiram no normal funcionamento dos nossos serviços.

RÁDIO-GUIAS

Para garantir um elevado padrão de qualidade nas condições de visita, é necessário o respeito de cada um pelo património, pelo ambiente e por todos os presentes - público e funcionários - evitando atitudes ruidosas ou perturbadoras do ambiente de tranquilidade que se pretende promover. Neste âmbito, para qualquer tipo de visita é interdito o uso de sistemas de amplificação sonora, designadamente megafones, microfones com altifalantes, etc.

A partir de 1 de Abril de 2016, nas visitas guiadas para grupos com mais de 10 elementos é obrigatória a utilização de rádio-guias - kit composto por emissor, para utilização pelo guia, e de receptores, para utilização pelos visitantes.

Caso os visitantes e/ou operadores turísticos não venham munidos com estes equipamentos poderão alugá-los no próprio local, por períodos de duas horas pelo valor de 1€/cada.

Para evitar atrasos ou a indisponibilidade momentânea de stock, a garantia do aluguer do equipamento no local deverá ser requerida com a antecedência mínima de 48 horas (tel: 239 242744 ou e-mail: reservas@uc.pt).

A utilização dos equipamentos alugados requer o compromisso por parte dos utilizadores da sua devolução em bom estado de funcionamento no final da visita e a responsabilidade de pagamento dos valores afixados em caso de extravio ou dano.