Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização. Ao navegar aceita a política de cookies.
OK, ACEITO

SII&DT 39708 SAFE

Compete 2020/FEDER


Código da Operação: POCI-01-0247-FEDER-039708

Acrónimo: SAFE

Referência: SII&DT 39708 SAFE

Objetivo principal: Reforçar a investigação, o desenvolvimento tecnológico e a inovação

Título: Recuperação de água em adegas usando oxidação fotossensitizada

Área Científica: Engenharia Quimica/Tecnologias do Ambiente

Síntese do Projeto: Este projeto propõe a aplicação da oxidação fotossensítizada como tratamento complementar que pode ser integrado nas ETARs já existentes. Esta proposta tem como objetivo desenvolver materiais insolúveis inovadores que possam suportar os fotossensitizadores ultrapassando, deste modo, as desvantagens do processo em fase homogénea o que irá impulsionar a aplicação industrial desta tecnologia. Por outro lado, uma outra novidade deste projeto tem que ver com a aplicação do Sol como fonte de luz para promover a oxidação dos contaminantes evitando os custos associados com as lâmpadas. De facto, o mercado alvo para esta tecnologia está maioritariamente localizado na bacia do mar Mediterrâneo onde a luz solar está disponível todo o ano. O cerne deste projeto é o design, construção e operação de um reator à escala piloto que permitirá analisar o processo a uma escala mais próxima da real. Deve ser reforçada a ideia de que para que a água possa ser reutilizada é necessário que esta seja segura do ponto de vista químico mas também microbiológico. Assim, o consórcio congrega microbiólogos que irão avaliar o processo do ponto de vista da sua eficiência na remoção de agentes patogénicos (bactérias, vírus e protozoários). Mesmo que a presença de vírus na água não seja legislada, é de esperar que estes possam ter impactos negativos na saúde humana daí a necessidade de explorar esta vertente. Também o impacto sobre os ecossistemas e saúde humana da água tratada deve ser tido em conta. Assim, as características toxicológicas da água serão avaliadas tendo em conta o seu impacto sobre um elevado número de organismos (bactérias, moluscos, crustáceos e plantas) assim como sobre a atividade neuronal de mamíferos (in vitro) para avaliar o seu impacto sobre a saúde humana. Ainda que o desenvolvimento e otimização do processo seja feito com base no efluente vinícola, é bastante provável que a tecnologia seja o suficientemente robusta para poder ser aplicada a outras áreas industriais.

Investigador Responsável: Doutora Rosa Quinta-Ferreira

Programa de Financiamento: PT2020-SII&DT – Copromoção

Instituição Financiadora: Agência para o Desenvolvimento e Coesão

Data de início: 01-09-2019

Data de conclusão: 31-08-2022

Instituições participantes no Projeto: ADVENTECH - ADVANCED ENVIRONMENTAL TECHNOLOGIES, LDA (Promotor Líder)

Custo total elegível (EUR): 425.483,72€ - Elegivel Total; 225.878,91€ - Elegivel UC

Apoio financeiro da UE: 302.180,47€ - Incentivo Total; 169.409,18€ - Incentivo UC

Técnico do Projeto: Vera Gomes

Contacto: 239 247 015