A Orquestra

18 setembro, 2022

"Vou finalmente entrar para a Universidade de Coimbra! Mas quero levar a viola d’arco e tudo o que aprendi no Conservatório comigo!"

“A minha vida académica não pode ser só estudo. Gostava de poder continuar a tocar o meu instrumento musical.”

“Venho de Itália, com a minha trompete, estudar para Coimbra!”

Relatos como estes formaram a iniciativa que faltava: a criação de um espaço que pudesse juntar os músicos da UC num ambiente de orquestra sinfónica.

Em 2016, a Tuna Académica da UC e a Reitoria criam a Orquestra Académica da Universidade de Coimbra. O principal objectivo foi juntar os recursos e as vontades existentes da comunidade académica de Coimbra para interpretar repertório sinfónico.

Actuais e Antigos Estudantes, Docentes e Não-Docentes, restantes membros da comunidade académica de Coimbra: esta orquestra é o espaço que procuravam.

Comissão organizadora

Joana Sayal

Violoncelista na Orquestra Académica desde a sua fundação, completou o 8º grau de violoncelo no Conservatório de Música de Coimbra e é um dos membros da comissão organizadora da OAUC desde o final de 2016, sendo neste momento a coordenadora geral da mesma. Nasceu em Coimbra em 1998 e o primeiro contacto com a música foi aos 5 anos com o maestro Virgílio Caseiro e com o professor Luís Pedro Madeira.

Em 2019 concluiu a licenciatura em Ciências Psicológicas na UC e atualmente é finalista do Mestrado Interuniversitário em Neuropsicologia Clínica e Experimental. A neuropsicologia e as neurociências são os seus principais interesses, especialmente quando a música consegue estar presente. Faz parte de outros grupos académicos como a TAUC (Tuna Académica da Universidade de Coimbra), entre outros projetos musicais como os CITHARA (fado de Coimbra e temas originais) e o CAIS de Coimbra.

Eduardo Ribeiro

Nasce na aldeia do Cercal, uma pequena localidade do concelho de Soure, e começa desde cedo a aprender a tocar trompete na filarmónica da sua terra, à qual pertence atualmente. Entrou para o Conservatório de Música de Coimbra, onde aprofundou os estudos musicais durante 8 anos na classe do professor Jaime Barbosa. Licenciado em Física pela Universidade de Coimbra, frequenta atualmente o Mestrado em Física na UC.
É o atual Presidente da Tuna Académica da Universidade de Coimbra (TAUC) e membro da Comissão Organizadora da Orquestra Académica da Universidade de Coimbra (OAUC).

Alexandre Sayal

Nasce na cidade dos estudantes em Fevereiro de 93. No primeiro contacto com a bateria de brincar nasce um gosto especial pela música. Estudou primeiro o dó-di-ré-ri-mi com os professores Virgílio Caseiro e Luís Pedro Madeira, mas como era pouco difícil, entrou para o Conservatório de Música de Coimbra em 2002 para estudar Violino com o professor João Ventura. 8 anos depois, ficou a vontade de tocar Tchaikovsky, e tantas outras histórias para contar.

Engenheiro Biomédico e Investigador de profissão, busca infinitamente pelos processos escondidos que formam a mente humana. Quem sabe se algum dia descobrirá o que vai na mente de um músico?

Atualmente é o comissário responsável pela Comunicação e Divulgação. Como tal, se virem a página da OAUC a colocar gosto em posts aleatórios e em nada relacionados com música, é a ele que devem enviar um lembrete!

Cármen Oliveira

Nasceu em abril de 2001, em Aveiro. Desde muito cedo que iniciou a sua formação musical, entrando aos 6 anos no Conservatório de Música da Bairrada na classe de violino da Professora Elisabete Leal. Passando pelas classes de Juliana Santos, Miguel Gil e André Fonseca, e colaborando com o Ensemble de Música de Aveiro, terminou o 8º grau no Conservatório de Música de Aveiro Calouste Gulbenkian. Paralelamente ao violino, começou a aprender clarinete na Escola de Música da Banda Filarmónica Vaguense, da qual faz parte desde então.
Atualmente, estuda Medicina na Universidade de Coimbra, mas a paixão pela música não ficou para trás. Faz parte da Orquestra da TAUC e da OAUC desde 2019, colaborando como membro da Comissão Organizadora da OAUC desde 2021. No pouco tempo livre que lhe resta, anima casamentos com o grupo Lyrichords Band.

Inês Eulálio

Nascida nos inícios de 1999 e natural de Moinhos da Gândara, o interesse pela música começa a surgir por volta dos cinco anos, quando, por influência do grupo EmCantos, grupo de música tradicional e popular, despoleta aquilo que se viria a tornar uma paixão: a flauta transversal. Começa a aprender o solfejo aos 6 anos na Sociedade Musical Santanense, e aos 10 ingressa no Conservatório de Música David de Sousa, onde conclui o 8º grau em 2017. Paralelamente, desenvolve o gosto pela música tradicional, sabendo também “dar uns toques” na guitarra clássica e bandolim.

Atualmente, frequenta o Mestrado em Intervenções Cognitivo-Comportamentais em Psicologia Clínica e da Saúde na FPCEUC. Na cidade dos estudantes, participa na Orquestra da Tuna Académica da Universidade de Coimbra e colabora como membro da Comissão Organizadora e como flautista na OAUC. Integra ainda a filarmónica do Grupo Musical Gesteirense e a Orquestra de Jazz da Escola de Artes do CAE da Figueira da Foz.

No geral, e desde cedo, divide o seu tempo entre a música e tudo o resto. O resto vai mudando, a música está sempre lá.

AA

Ana Luísa Arteiro

Alexandra Santos

É natural de Coimbra, cidade que alberga a mais antiga universidade de Portugal, na qual frequenta o curso de Medicina.
Desde muito cedo que iniciou o seu percurso na música, tendo ingressado na classe de clarinete da escola de música da Filarmónica de Taveiro, vila pela qual nutre um carinho especial.
Após a participação em alguns projetos do foro musical, tal como a OSC (Orquestra dos Sopros de Coimbra), continua a não deixar esta arte de lado, conciliando a paixão que tem por esta e pela Medicina, pelo que, atualmente, integra a TAUC e a Comissão Organizadora da OAUC.

Rodrigo Grilo

Nasceu em 2001 em Carcavelos, porém mudou-se para Coimbra, onde frequentou os estudos musicais no Conservatório Regional de Coimbra e no Conservatório de Música de Coimbra. Ingressou na Universidade de Coimbra em 2019, estando na 3ª matrícula no curso de Biologia, com a prática de violoncelo na TAUC, quer na Orquestra como no Quarteto de Cordas, e a participação na Direção desta associação. Foi federado em futebol no clube União 1919, um histórico clube da cidade. Neste momento é professor de Violoncelo na Associação Artística e Cultural Salatina.

Sala de ensaios

Biografia

A Orquestra Académica da Universidade de Coimbra surge de uma iniciativa da Tuna Académica da Universidade de Coimbra (TAUC) em parceria com a própria universidade. A sua criação veio dar resposta à necessidade de uma orquestra aberta e voltada para toda a comunidade universitária, estando disponível para acolher atuais estudantes, mas também antigos e futuros estudantes e docentes da UC que possuam habilitações musicais e que queiram tocar numa orquestra sinfónica.

Como um espaço de interpretação de música sinfónica amadora, a OAUC procura sempre interpretar obras de compositores portugueses, possibilitando a descoberta e a partilha destas obras. Tem ainda como objetivo a difusão da imagem da própria Universidade, tanto interna como externamente, desempenhando um importante papel em diversos eventos solenes ligados à UC.

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização. Ao navegar aceita a política de cookies.
OK, ACEITO