Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de utilização. Ao navegar aceita a política de cookies.
OK, ACEITO

O papel da Física no dia-a-dia | Ciência às Seis (on-line)

12 de Outubro - 18h
7 outubro
A Física do dia-a-dia

Dia 12 de Outubro, às 18h realiza-se on-line, a conversa "A Física do dia-a-dia" de Carlos Fiolhais com alunos do Núcleo de Estudantes de Física da Associação Académica de Coimbra.

Sessão inserida no ciclo "Ciência às Seis", iniciativa do RÓMULO - Centro Ciência Viva da Universidade de Coimbra, destinada ao público, de participação livre e gratuita, sem necessidade de inscrição.

Resumo:

Que influência tem a Física nas nossas vidas? Em particular, que influência tem a Física Quântica, que descreve o mundo submicroscópico, nas nossas vidas? Muito mais do que normalmente se imagina. Praticamente toda a nossa vida passa por aplicações da Física em geral e da Física Quântica em particular: Computadores, tablets, consolas de jogos e telemóveis são feitos de transístores, que são artefactos da teoria quântica. O mesmo se pode dizer da televisão e da rádio. As comunicações à distância fazem-se por fibras ópticas, que usam luz laser, ou por redes sem fios, que usam micro-ondas. A luz laser, que é um efeito quântico, está por todo o lado desde o leitor de código de barras até às impressoras. A orientação por GPS exige relógios atómicos, que são dispositivos quânticos. Muitos dispositivos de diagnóstico e tratamento médico como o TAC, o RMN  e o PET são ainda baseados nos conhecimentos da teoria quântica. Nos institutos e laboratórios de Física constrói-se já hoje a vida quotidiana de amanhã, que passará por computadores quânticos e comunicações ainda mais avançadas.

Biografia:

Carlos Fiolhais natural de Lisboa é professor aposentado de Física da Faculdade de Ciências e Tecnologias da Universidade de Coimbra, fundador do RÓMULO – Centro Ciência Viva da Universidade de Coimbra e comunicador de ciência. Dos vários livros publicados, destaca-se pelo número de exemplares vendidos  Física Divertida e Nova Física Divertida. Tem escrito, com David Marçal, vários livros de combate à pseudociência, o último dos quais foi Apanhados pelo Vírus: factos e mitos sobre a Covid 19. Foi diretor da Biblioteca Geral da Universidade de Coimbra e tem sido director do RÓMULO - Centro Ciência Viva da Universidade de Coimbra. Recebeu vários prémios e distinções.

Fotos no Facebook